São João da Barra recupera jogadores para enfrentar o Barcelona no sábado

Sem perder há três partidas após iniciar a Série B com duas derrotas, o São João da Barra aproveita o meio de semana sem jogos para a recuperação de alguns de seus principais jogadores, lesionados.  Mesmo desfalcada, a equipe derrotou o Grêmio Mangaratibense por 2 a 1 no sábado e se manteve na briga por vaga às semifinais do primeiro turno, chegando aos sete pontos, quatro a menos que a Portuguesa, líder do Grupo A.

Para o técnico Junior Sena, satisfeito com o resultado mas frustrado com a apresentação do time, o time não pode repetir a atuação da última partida se quiser conquistar alguma coisa na competição.  Ciente do potencial do grupo, o treinador sabe que a equipe tem potencial para apresentar melhor rendimento.

"Foi a nossa pior atuação sob todos os aspectos.  A vitória veio e foi ótimo somar mais três pontos, mas que ninguém se iluda com o resultado porque com este tipo de atuação não iremos a lugar algum. É inaceitável, principalmente por jogar em casa, sofrer a pressão que foi imposta pelo Mangaratibense que esteve confortável para mandar na partida em vários momentos, e principalmente pela qualidade do nosso grupo que é forte", declarou.

Para o confronto válido pela sexta rodada, os sanjoanenses encaram o Barcelona, no Estádio Luso Brasileiro, na Ilha do Governador, Rio de Janeiro, e o treinador segue no aguardo da recuperação do lateral Totonho e do atacante Laio para poder definir a equipe que atuará no sábado (04) às 15:30.  Com boas informações sobre o adversário, Junior Sena acredita em jogo aberto pela necessidade de vitória dos dois times.

"O Barcelona tem uma equipe jovem e perigosa, com jogadores habilidosos, e vamos atuar em um campo com dimensões muito maiores que as habituais.  Nosso time está bem condicionado e saberá superar, como foi feito até aqui, mais este obstáculo.  Temos nomes mais experientes e o São João da Barra, mesmo respeitando bastante, tem a obrigação de se impor.  A Série B está mostrando que o favoristismo pode até existir em algumas partidas, o que não é caso contra o Barcelona, mas as supresas vêm acontecendo em um campeonato com poucas goleadas, sem que uma equipe seja apontada como a melhor até o momento.  Nosso momento é bom em termos de resultados, mas temos que render ainda mais e não nos faltam condições para tal".

Equipe Sub 20 cumpre boa campanha e vem de goleada
Com três vitórias na Série B, sendo duas consecutivas, a equipe comandada por José Luiz Cannidia goleou o Mangaratibense por 4 a 0 no último sábado e, com nove pontos, também segue na luta por vaga na fase semifinal do certame.  Para encarar o Barcelona no próximo sábado o treinador aposta na mesma determinação do time que vem se superando a cada partida.  O São João da Barra conta com 80% dos atletas nascidos no município e, entre os titulares, nove são da cidade.

"Estamos longe do nosso ideal, mas pelo que estamos rendendo até aqui podemos e devemos sonhar com algo a mais na competição.  Sofremos com o desgaste das viagens e, principalmente, com o calor, e ainda assim os meninos estão dando uma excelente resposta, fazendo com que o nosso torcedor reconheça o trabalho chegando mais cedo ao estádio para prestigiar nossos jogos.  O mais importante é que, jogo após jogo, o time está gostando da competição e atingindo um padrão desejável para disputar em igualdade de condição a Série B, mesmo tendo adversários mais tradicionais", disse o treinador sanjoanense.

Autor de quatro dos doze gols marcados pela equipe no campeonato, o goleiro Wallef tem sido um dos destaques da equipe pela liderança exercida e, além de capitão, é o artilheiro do time com seus tentos anotados em cobranças de penalidades máximas.  No G2 do Grupo A que tem a liderança da Portuguesa - única equipe com 100% de aproveitamento na competição - com 15 pontos, o São João da Barra, com 12, também está entre os ataques mais positivos.

"O mérito do trabalho é de todos, desde o pessoal do apoio aos jogadores.  O ambiente é bom e todos estão em busca de superação a cada jogo, temos a obrigação de representar bem o time da cidade e corresponder sem decepção a toda a torcida que está prestigiando o nosso trabalho", disse o arqueiro goleador.

Comentários