Del Valle ou Pumas? Um deles pegará o Boca nas semis da Libertadores

Pumas e Independiente del Valle se enfrentam nesta terça-feira, às 21h45min (de Brasília), no Estádio Olímpico Universitário, na Cidade do México, na partida de volta das quartas de final da Libertadores. Como venceu por 2 a 1 em Quito, o Del Valle jogará pelo empate. Quem avançar neste confronto enfrentará na semifinal o Boca Juniors (o outro confronto das semis será entre São Paulo e Atlético Nacional de Medelín). O canal Fox Sports transmite a partida. 

No Pumas, o equatoriano Fidel Martínez, que fez o gol único do time na partida de ida, seguirá como opção na reserva, já que o treinador Guillermo Vazquez manterá o trio ofensivo Quiñones, Britos e Herrera. 

A confiança é grande no sucesso, já que o Pumas mostrou bom poder ofensivo em Quito e, agora, em seus domínios, contará com o apoio da fanática torcida e o bom retrospecto: venceu seus quatro jogos em casa por dois ou mais gols de diferença.
O Independiente del Valle repetirá a equipe da partida de ida, o que significa força máxima. Porém, apesar da excelente campanha, a vantagem do empate e a possibilidade de conseguir chegar às semifinais da Libertadores pela primeira vez na história, o treinador Pablo Repetto disse que o favoritismo está do lado do Pumas. 
- Nossa vantagem é mínima. Estaremos eliminados se perdermos por 1 a 0. Além disso, o Pumas tem boa equipe e excelentes atacantes entre os titulares e na reserva. Temos o sonho de ir para a semifinal, mas o favoritismo é do nosso rival - disse. 

Os jogadores do del Valle repetem o discurso de humildade do comandante. Uchuari, que pode ser considerado o 12º titular de Reppeto, é exemplo disso: 

- É um verdadeiro sonho ter a possibilidade de fazer um confronto contra o Boca Juniors depois de termos eliminado o River Plate. Mas há o Pumas pela frente e este time mexicano é ótimo. 

FICHA TÉCNICA 
PUMAS (MEX) X INDEPENDIENTE DEL VALLE (EQU) 
Jogo de volta das quartas de final da Libertadores 

DATA E HORA 
- 24/5/2016 - 21H45min (de Brasília) 
LOCAL: Estádio Olímpico, Cidade do México (MEX) 
ÁRBITRO: Víctor Carrillo (PER) 
AUXILIARES: Braulio Cornejo e Víctor Ráez (PER) 

PUMAS: Palacios; Alatorre, Alcoba, Darío Verón e Fuentes; Castro, Cortés e Sosa; Quiñones, Matías Britos e Herrera. TEC: Guillermo Vazquez 

I. DEL VALLE: Azcona; Núñez, Mina, Caicedo e Ayala; Angulo, Arroyo, Orejuela, E Cabezas; Sornoza e Angulo. TEC: Pablo Repetto 

Comentários