Aquathlon: Rômulo Santos chega na quinta posição no México

Nesta quarta-feira (14/09) foi realizada a prova de aquathlon na cidade Cozmel, no México e o campista Rômulo Santos conseguiu a quinta colocação na categoria 25/29 anos sendo o melhor sulamericano e consequentemente o melhor brasileiro na categoria. Em sete participações nesta prova a nível mundial, é a terceira vez que Rômulo fica no TOP 5 (em outras 3 ocasiões ele obteve o TOP 10). 

"Na prova desta quarta-feira, fiquei atrás de exímios atletas, respectivamente de um neozelandês, dois mexicanos e outro neozelandês. Exatamente 27 segundos me separaram do meu primeiro pódio. Fiz tudo que podia ter feito! Todos os atletas sofreram demais após a natação e ninguém teve uma segunda corrida de muito destaque. Senti bastante esta última etapa. De qualquer forma foi a melhor performance da minha vida e também no auge da minha forma física ao longo de todos esses anos! Venci atletas que haviam me vencido em 2015 em Chicago, venci também por exemplo o atual campeão europeu da modalidade em minha categoria, porém são apenas estatísticas... Sei que é um resultado do qual tenho que me orgulhar, mas confesso com toda sinceridade que este ano achei que a medalha finalmente viria....Não só eu, mas até mesmo outros amigos atletas me falavam isso...Não estou triste, mas também digamos que não estou feliz! Fica um gosto amargo... Sou assim, sempre me cobrei muito e é essa autocobrança que sempre me fez evoluir. Enfim, não estou no esporte de rendimento até hoje á toa, e sei que minha hora no Mundial vai chegar assim como meu ápice ainda virá. O que posso afirmar é que não vou desistir e deixar de tentar! O Mundial "e a minha olímpiada"! - destacou Rômulo Santos.

Arthur Santos (irmão de Rômulo), também participou da prova. "Eu conquistei o 18° lugar na minha categoria 18-19 anos no Mundial de Aquathlon, sendo o 4° melhor brasileiro da minha categoria, consegui impor um ritmo bom na primeira corrida com pace de 3'35, como o meu forte é a natação consegui recuperar algumas posições dentro d'agua porém não encaixei uma boa corrida na ultima o que me fez uma falta grande. Foi meu primeiro Mundial, sei que posso e consigo chegar muito mais a frente, a experiência que adquiri aqui levarei comigo sempre." - enfatizou Arthur.

Sem tempo para descansar, Rômulo Santos já se prepara para a prova desta quinta-feira, o Sprint Triathlon, na qual pela primeira vez o vácuo no ciclismo estará liberado e as bikes estarão "equiparadas", ou seja, tudo pode acontecer!

Além de Rômulo, outros três campistas disputarão a competição desta quinta-feira, Arthur Santos (irmão de Rômulo), Emily Barcelos e Reinaldo Damiano estão em solo mexicano para a disputa. Arthur participa da prova de Aquathlon, Rômulo disputa o Aquathlon e o Sprint Triathlon Emily e Reinaldo participarão do Sprint Triathlon e também o do Triathlon Olímpico. Os quatro atletas têm o apoio da Fundação Municipal de Esportes (FME), através do programa Bolsa Atleta. 

Esta será a sétima participação de Rômulo no Aquathlon. Ele foi top 10 nas outras seis vezes que disputou, chegando até no quarto lugar em 2014, na categoria 25-29 anos. A Sprint Triathlon será a quinta de Rômulo em mundiais. O melhor resultado foi o nono lugar em 2011.

Entre os campistas, Arthur será o debutante em mundiais. Ele, que é treinado pelo próprio irmão, Rômulo, obteve a classificação após a terceira colocação no Campeonato Brasileiro na categoria 18-19 anos.

Já Emily e Reinaldo estão recuperando a forma depois de sofrerem lesões. Ela teve uma fratura no pé esquerdo e ficou 40 dias em tratamento. Ele precisou intensificar o tratamento no púbis e diminuir a carga de treinos para ir ao Mundial.

Comentários