Campos em 2º: Nova Iguaçú vence o Itaboraí e conquista a Segundona

Depois de seis meses de competição, que começou em março, um campeonato de muita polêmica e com dois meses de atraso, acabou na tarde desta sexta-feira (30/09) o estadual da Série B do Rio, com o título indo para o Nova Iguaçú. Jogando no estádio Jânio Moraes, em Nova Iguaçu, os donos da casa precisavam da vitória para conquistar o título, contra um Itaboraí já eliminado e com o gol de Marlon aos 13 minutos do segundo tempo, de cabeça, o troféu ficou com o time da Baixada Fluminense. Na espera pelo resultado, estava o Campos, que torcia pelo empate ou vitória do Itaboraí, para ficar com o título, mas não foi possível. O Nova Iguaçú conquista a Segundona pela terceira vez em sua história.

Nova Iguaçú e Campos subiram para a Série A em 2017 e foram rebaixados à Série C, o Angra dos Reis, Belford Roxo e Ceres. 


A cultura popular brasileira diz que toda sexta-feira, às 18h, um suposto decreto dá início ao tão aguardado final de semana. Na Baixada Fluminense, a festa veio mais cedo, mais precisamente às 17h, quando o apito final decretou a vitória do Nova Iguaçu sobre o Itaboraí, por 1 a 0, na última rodada do Triangular da Série B do Campeonato Carioca, no Estádio Janio Moraes. Marlon, autor do gol único, saiu coroado como heroi da conquista.

O resultado positivo era o necessário para o Orgulho da Baixada levantar pela terceira vez a taça da segunda divisão do Rio de Janeiro, feito que já havia sido alcançado em 1996 e 2005. Troféu que aumenta a galeria do Laranja Iguaçuano e que fecha com chave de ouro uma trajetória que já havia rendido o título da Taça Santos Dumont (primeiro turno) e o acesso à elite estadual, de onde o clube caiu em 2015.

Desmotivado? Itaboraí faz jogo duro e assusta
Dez minutos mornos e na sequência, a emoção rolou solta. Sem maiores compromissos na competição, o Itaboraí jogava solto, trabalhando as jogadas de ataque e demonstrando aplicação tática. Igor e Bobby tentaram abrir a contagem em chutes de longe. Na tentativa do segundo, Jefferson fez uma linda defesa.

O Nova Iguaçu detinha maior posse de bola e sempre pressa, buscava o gol do título. Schwenck passou perto quando aproveitou cobrança de escanteio para dominar e mandar chute cruzado. Rerysson salvou. Marquinhos, em finalização rasteira, também assustou. Antes do apito final, Wescley tirou Felipe Camacho para dançar e mandou com GPS na cabeça de Simões, que testou muito perto da trave.

Iluminado, Marlon se torna herói do título
Na volta do intervalo o Itaboraí não conseguiu incomodar tanto. O Nova Iguaçu, mesmo sem tanta inspiração, foi tomando conta da partida. Adriano ensaiou o primeiro gol em chute perigoso, mas quem brilhou mesmo foi Marlon, que fechou com uma cabeçada certeira a descida de Adriano pela esquerda. Gol e início de festa no Laranjão!

image


Sem poder de reação, algo até natural na condição de eliminado, o Itaboraí pouco ameaçou, a não ser em bolas aéreas. Os laranjas, por sua vez, buscavam o segundo gol. Raphael Azevedo e Adriano, no mesmo lance, quase ampliaram. Nos minutos finais, os donos da casa se limitaram a segurar a posse de bola. Os visitantes, esgotados, não tiveram como estragar a festa. Festa na Baixada Fluminense, que é muito mais bonita quando pintada de laranja!


FICHA TÉCNICA
Nova Iguaçu 1x0 Itaboraí 
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda
Assistentes: Luiz Antônio Muniz de Oliveira e Thiago Gomes Magalhães

Nova Iguaçu: Jefferson; Vinicius Matheus (Yan - intervalo), Raphael Azevedo, Simões e Lucas; Paulo Henrique, Marquinhos e Wescley; Marlon (Glauber 26'/2ºT), Adriano e Schwenck (Vinicius Nunes 35'/2ºT). Técnico: Edson Souza

Itaboraí: Rerysson; Victor Silva, Raphael Neuhaus, Rodrigão e Maycon (Felipe Camacho 19'/1ºT); Thiago, Leônidas e Bobby; Ricardinho, Igor e Edu (Lucão 21'/2ºT). Técnico: Luiz Antônio

Cartões amarelos: Paulo Henrique (NOV); Felipe Camacho (ADI)

Gols: Marlon 13'/2ºT (1-0)

Público: 653 pagantes (952 presentes)
Renda: R$ 8.530,00

SEGUNDONA DO RIO

TRIANGULAR FINAL

(6ª RODADA)

Sexta, 30 de Setembro de 2016
Campos 1x1 Nova Iguaçú - Arizão, Campos (RJ)

CLASSIFICAÇÃO
1º Nova Iguaçu, 9 (campeão e acesso)
2º Campos, 7 (acesso)
3º Itaboraí, 1

Com informações do Futrio

Comentários