Macaé define Renê Simões para o comando técnico no Campeonato Carioca

Sai Luiz Antonio Zaluar, entra Renê Simões. O Macaé foi buscar um treinador com experiência nacional e no exterior para suprir a lacuna que se abriu na comissão técnica após Zaluar desistir de assumir o projeto, indo para o futebol do Emirados Árabes. A informação foi divulgada pela assessoria de comunicação do clube, nesta quinta (29). Renê, de 64 anos, ficará no comando, inicialmente, até o final do Campeonato Carioca de 2017.

Experiente profissional, Renê já atuou no futebol do Rio de Janeiro, inclusive recentemente, quando dirigiu o Botafogo em 2015. Ele também passou pelo Fluminense. No Brasil, ainda trabalhou em clubes como Coritiba (PR) e Figueirense (SC), sua última equipe. Dirigiu também a Seleção Brasileira Feminina, sendo medalha de prata nas Olimpíadas de 2004, e também o selecionado da Jamaica, na Copa do Mundo de 1998, numa de suas atuações mais marcantes.

Renê Simões oficializou o acerto com o Macaé ainda nesta quinta, quando se reuniu com a direção do Alvianil Praiano no Norte Fluminense. Apesar do clube ter o Campeonato Brasileiro da Série C como um dos desafios em 2017, o vínculo inicial será apenas para o Estadual.

O Macaé é o único dos clubes participantes da Série A do Rio que ainda não iniciou sua pré-temporada. A preparação começa em 2 de janeiro, enquanto a estreia na competição será no dia 29 seguinte, diante do Madureira.

Comentários