Goytacaz x America: disputa por título para fechar um 2017 para lá de positivo



Ambos já garantiram o acesso à elite do futebol estadual e possuem motivos de sobra para estarem felizes, mas quem dispensaria a oportunidade de levantar uma taça? É pensando justamente em enriquecer a galeria de conquistas que Goytacaz e America colocam um ponto final na Série B1 do Campeonato Carioca e definem neste sábado (30) quem fica com o título da competição. A bola rola às 15h, no Aryzão.
image

O Alvianil vai entrar em campo com vantagem substancial para fechar a Segundona no topo. Como venceu o jogo de ida por 1 a 0, na última terça (26), no Giulite Coutinho, o time campista depende de um empate para fazer a festa diante de sua torcida. Já o Mecão vai ter a obrigação da vitória. Se devolver vantagem de um gol, força a disputa por pênaltis. Caso triunfe com dois tentos de margem, fatura o caneco.

Novidade no Goyta
Os donos da casa - que devem ter o maior público de toda Série B1 nas arquibancadas - vão apresentar algo novo justamente no duelo de encerramento da competição: uma camisa comemorativa em alusão ao acesso em cima do Americano, que encerrou o jejum de 25 anos longe da elite. A camisa azul com detalhes dourados vai levar inclusive o nome de Luquinha, que anotou o gol decisivo na vitória por 1 a 0 na semifinal.

Entre os jogadores o clima é de concentração. O zagueiro Cleiton rechaçou qualquer tipo de comodidade pela vantagem alcançada no primeiro round da decisão. Jogar com o regulamento embaixo do braço também está descartado, conforme garante o defensor.

- A gente não vai jogar no contra-ataque, não. O time vai jogar para frente e aberto, como sempre faz, principalmente dentro de casa. Pode ter certeza de que vamos atacar o tempo todo. Mais do que nunca, buscaremos essa vitória em casa para confirmar o título - declarou.

Do outro lado, reinvenção em mente
Mudar o estilo justamente na final? No America isso está em pauta. O gramado do Aryzão, em má condição, preocupa os atletas rubros. Na Taça Santos Dumont, no confronto entre as duas equipes, o Goyta levou a melhor pelo placar de 1 a 0. Se o filme se repetir, a taça ficará em Campos. O lateral-direito Belarmino acredita que será preciso adotar nova postura.

- Vamos ter que nos reinventar. Nosso time é muito técnico e o campo do Aryzão é muito ruim, atrapalha nosso estilo de jogo. Mas procuramos trabalhar para superar isso e conquistar o título. Sabemos que fizemos um primeiro tempo muito ruim no primeiro jogo. Temos a consciência de que erramos, mas procuramos acertar os erros - explicou.

Belarmino deve ser justamente uma das mudanças na escalação do técnico Lucho Nizzo. Talvez a única. Na primeira partida decisiva ele ficou no banco, dando lugar a China, que foi homenageado com a vaga entre os titulares, já que decidiu se aposentar após a Segundona Estadual.

A partida
Goytacaz x America - Carioca Série B1, final (volta) - 30/09/2017, às 15h

Estádio Ary de Oliveira e Souza (Campos - RJ)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique
Assistentes: Wagner de Almeida Santos e Jackson Lourenço Massarra dos Santos

Goytacaz: Paulo Henrique; Tenente, Lucas Tavares, Cleiton e Almir; Jeffinho, João Vitor, Gabriel Galhardo e Leandro Cruz; Rodriguinho e Luan. Técnico: Paulo Henrique.

America: Thadeu; Belarmino, Raphael Azevedo, Pessanha e Marlon; Alan Nascimento, Tiago Corrêa, Anderson Künzel e Léo Rocha; Allan e Robinho. Técnico: Lucho Nizzo.

Fonte: Futrio

Comentários