Militar do exército de Campos é ouro em competição nacional de atletismo


Em agosto de 2017, o Mundo assistia o homem mais rápido do planeta ser batido em sua última prova, antes da aposentadoria. Há três meses, o Jamaicano Usain Bolt, levava o bronze e via seu maior rival, o norte-americano Justin Gatlin, ficar com a medalha de ouro, com o tempo de 9s92. Frações de segundos separaram Bolt, de Gatlin.

O sentimento de estar no topo e viver a experiência dos poucos milésimos de segundos para o seu rival, são alguns dos aspectos que tornam a história de um campista, semelhante ao dos grandes campeões Gatlin e Bolt.

Nesta terça-feira (28/11), o 3º sargento da 2ª cia de infantaria, em Campos, Fábio Rogério da Silva Anchieta, de 23 anos, trouxe para sua cidade natal a medalha de ouro, durante a participação no campeonato do Comando Militar do Leste, uma espécie de Copa que abrange os estados do RJ, MG e ES.

Morador do Parque Presidente Vargas, em Guarus, o jovem, de infância humilde, descobriu há seis meses que tinha um talento para o atletismo. 
Nos 100 metros rasos, foi campeão das Olimpíadas da 9º Brigada de Infantaria, no RJ, foi 4º lugar nos jogos universitários, em Goiânia e, agora, desfruta a medalha dourada estampada no peito, conquistada no Centro de Treinamento de Deodoro, na Vila Militar, na capital fluminense. 

O título de campeão do Comando Militar do Leste veio com 10s40, 20 milésimos de segundos à frente do segundo colocado (10s60) e quase 40 milésimos do 3º (10s79). 

"Na minha primeira competição esse ano, eu não tinha nem sapatilhas para competir e, agora, consigo essa conquista que tanto me orgulha", diz Fábio.

O jovem, que hoje estuda educação física em uma universidade de Campos, conta que sempre gostou de esportes, mas que nunca imaginou que tivesse talento para o atletismo.

"Nunca imaginei competir em uma pista de atletismo. Eu sempre gostei de natação e karatê mas, através da 2ª cia de Infataria do Exército, entrei pro esporte. Muitos não acreditaram, mas eu consegui", vibra ele.

Fonte: NF Notícias

Comentários