Goyta x Cabofriense: pensamentos distintos marcam o duelo do Aryzão

Na noite desta quinta-feira (28), às 20h30, no Estádio Ary de Oliveira e Souza, Goytacaz e Cabofriense se enfrentam com objetivos bem distintos. Enquanto o Alvianil busca a primeira vitória na Seletiva do Campeonato Carioca, o Tricolor Praiano quer o segundo triunfo para dar mais um passo rumo à fase principal do Estadual. O Placar FutRio acompanha.

No histórico de confrontos, Goytacaz e Cabofriense já se enfrentaram sete vezes e a vantagem é do time de Campos. Foram quatro vitórias, contra apenas duas do Tricolor Praiano e um empate. O Goyta marcou 13 gols, enquanto a equipe de Cabo Frio anotou oito.

Mudança de postura é tema central no Goytacaz
A estreia do Goytacaz não foi nada boa na Seletiva. Além de perder por 3 a 1, o Alvianil foi presa fácil para o Macaé. Durante a semana, a conversa no clube foi sobre a mudança de postura para a partida contra a Cabofriense. Uma vitória se torna essencial para que a vaga no G-2 seja alcançada.

O zagueiro Cleiton revelou que a expectativa para partida é muito grande dentro do grupo do Goytacaz. Todos os jogadores estão dispostos a mostrar que a atuação na estreia foi algo atípico e que não se repetirá.

- A expectativa para o jogo é a melhor possível. Até porque todo nosso elenco é sabedor que não apresentamos o mesmo futebol da Série B1 na estreia. Estamos esperando com muita expectativa este jogo contra a Cabofriense, para que possamos voltar a atuar bem e mostrarmos que nosso time tem totais condições de brigar de igual pra igual com todas as outras equipes da seletiva. Vamos mostrar que o que aconteceu contra o Macaé nunca mais vai se repetir - disse o defensor.

Inteligência e paciência para Cabofriense vencer o segundo jogo
Se a impressão deixada pelo Goytacaz na estreia não foi boa, na Cabofriense ela foi a melhor possível. O Tricolor Praiano teve uma atuação excelente contra o Resende, e liderada por Abner, venceu por 3 a 0. Uma nova vitória seria um passo importantíssimo para a equipe chegar à fase principal do Campeonato Carioca.

O técnico Antônio Carlos Roy espera um jogo bem complicado diante do Goytacaz, mas acredita em um adversário no ataque. Sendo assim, é preciso ter inteligência para ganhar a partida.

- Sabemos que eles vão ter que se abrir, pois têm que ganhar. O Goytacaz sabe que se não conseguir um bom resultado, a situação deles pode se complicar. Eles precisam ser um time ofensivo. Por isso, temos que ter sabedoria e controlar o jogo, principalmente no começo. Temos que ter cautela e tentar surpreendê-los e matar o jogo nos contra-ataques - frisou o treinador.

Goytacaz x Cabofriense - Carioca Série A, 2ª rodada da 1ª fase - 28/12/2017 às 20h30

Estádio Ary de Oliveira e Souza (Campos dos Goytacazes - RJ) 
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga 
Assistentes: Eduardo de Souza Couto e Gabriel Conti Viana

Goytacaz: Paulo Henrique; Tenente, Cleiton, Edson e Almir; Jefinho, João Vitor, Gabriel e Gabriel Galhardo, Márcio Carioca, Anderson Oliveira. Técnico: Paulo Henrique.

Cabofriense: George; Wellington Junior, Victor Silva, Leandro Euzébio e Airton; Levi, Bruno Tubarão, Kaká Mendes e Davi Ceará; Abner e João Carlos. Técnico: Antônio Carlos Roy.

Fonte: FutRio

Comentários