America x Goyta: em Saquarema, jogo de vida ou morte para ambos os lados

America e Goytacaz se enfrentam às 16h deste sábado (6), no Estádio Elcyr Resende de Mendonça, em Saquarema, pela terceira rodada da fase preliminar do Campeonato Carioca. A partida é de vida ou morte para ambas as equipes, que brigam para se manter com chances de classificação para a etapa principal do Estadual.

O confronto também marca o retorno do America ao palco da polêmica final da Taça Corcovado, em 9 de setembro, marcada por uma grande repercussão nas semanas seguintes, principalmente por uma grande confusão nas arquibancadas.

Na história, foram 38 confrontos entre America e Goytacaz. Nenhum dos lados leva vantagem na disputa, pois são 12 vitórias para cada um. Outros 14 empates fecham a conta. O último encontro foi em 30 de setembro, na final da Série B1 do Estadual, quando as equipes ficaram no 1 a 1 e, na ocasião, o Goyta se sagrou o vencedor da Segundona.

Ainda sem pontuar, America entra pressionado
Na lanterna do Grupo A, o America é a única equipe que ainda não pontuou no torneio até aqui. A derrota em casa para o Bonsucesso e depois de virada para o Resende, o time rubro precisa do resultado positivo para se manter com chances de classificação à fase principal do Estadual, visto que, um tropeço, significa praticamente esgotar as possibilidades de avançar no torneio. O técnico Lucho Nizzo projetou a disputa deste sábado, ressaltando a importância de ter espírito de luta para que seus comandados consigam a vitória.

- Será um jogo difícil, como foram os outros dois que jogamos esse ano. Tem o impacto da eliminação, quem não vencer, pode dar adeus à fase principal e brigar contra o rebaixamento. Acredito que será um jogo ganho na entrega, e não no aspecto técnico ou tático. Será preciso entrega, jogar no limite. Procuramos ajustar algumas coisas, mas acima de tudo será importante ter espírito de luta - falou Lucho.

Goyta também vive situação complicada
Em situação quase de igual gravidade, o Goytacaz entra em campo para reverter o panorama onde se encontra. Na vice-lanterna com apenas um ponto - no empate com a Cabofriense na segunda rodada -, o Alvianil vê no confronto contra o America a possibilidade de um recomeço no hexagonal, a fim de se manter com chances de avançar. O zagueiro Cleiton minimiza o retrospecto recente favorável do Goyta sobre o rival, preferindo focar somente no confronto deste sábado.

- Nos jogos anteriores obtivemos resultados favoráveis contra a equipe do America, e sabemos da qualidade do grupo deles. Mas agora estamos na parte de baixo da tabela, onde as duas equipes precisam da vitória a qualquer custo. Sabemos que será um jogo muito disputado, onde quem errar menos sairá do jogo vencedor - disse.

A partida
America x Goytacaz - Campeonato Carioca, fase preliminar, 3ª rodada - 06/01/2018

Estádio Elcyr Resende de Mendonça (Saquarema - RJ)
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha
Assistentes: Wallace Muller Barros Santos e Guilherme Vogas Tavares

America: Felipe; Belarmino, Lucas Gama, Rafael Morisco e Marlon; Diogo Alves, Guaraci, Anderson Künzel, Tiago Corrêa e Assis; Giancarlo. Técnico: Lucho Nizzo.

Goytacaz: Paulo Henrique; Tenente, Cleiton, Edson e Almir; Jefinho, João Vitor, Canhoto e Gabriel Galhardo; Rodriguinho e Márcio Carioca. Técnico: Paulo Henrique.

Fonte: FutRio

Comentários