Campista Allif Gomes, fica com a prata em Grand Slam de Taekwondo e passa ser reserva de medalhista olímpico

O Grand Slam de Taekwondo 2018 além de levar ao pódio seus vencedores garantiu vaga na seleção brasileira permanente da temporada aos dois primeiros colocados, em todas as categorias do adulto e juvenil. O campista Allif Gomes ficou com a medalha de prata na categoria acima de 87 quilos. Com a derrota na final para Maicon Andrade, de Goiás (medalhista olímpico); agora Allif Gomes passa a ser o reserva imediato do Maicon em competições representando a seleção brasileira. Só para se ter uma ideia do feito de Allif, ele perdeu para o Maicon de Andrade Siqueira que ganhou uma medalha de bronze na categoria acima de 87 kg, na  nas Olimpíadas de 2016. Maicon é o primeiro taekwondista brasileiro a ganhar uma medalha em Olimpíadas entre os homens.

A competição no Cefan, Rio de Janeiro, teve seus últimos combates neste domingo, dia 25/02, após três dias de muitos confrontos  que relevaram novos nomes para a modalidade e reforçaram uma grande competitividade de alto nível nacionalmente.

O atleta faixa preta do projeto de taekwondo da Fundação Municipal de Esportes (FME) Allif de Souza, de 18 anos, conquistou no domingo (25), no Centro de Educação Física Almirante Nunes (Cefan), no Rio, o segundo lugar no Grand Slam. O campista fez três lutas, sendo que na última, contra Maicon de Andrade, se machucou e ficou com a medalha de prata.  Allif e Maicon são os dois titulares da Seleção Brasileira de Taekwondo 2018. 

 (Foto: Divulgação)
O Grand Slam de Taekwondo 2018 garante vaga na seleção brasileira permanente da temporada aos dois colocados, em todas as categorias adulto e juvenil. A competição no Cefan, Rio de Janeiro, aconteceu de sexta-feira (13) a domingo (25). 

— A luta foi bem disputada, mas devido à contusão perdi a última luta para Maicon de Andrade, medalhista olímpico Rio 2016. Essa é a minha primeira luta da temporada 2018 e vim de um período de recuperação, já que no ano passado fiquei por mais de seis meses afastado por conta de uma lesão — disse Allif que vem se destacando no cenário nacional.  

O atleta campista é bicampeão brasileiro e está focado em uma vaga para as Olimpíadas de 2020, em Tóquio. 


— Neste ano, ele participou de um treino no Núcleo de Rendimentos, em São Paulo, onde teve a oportunidade de conviver com atletas de ponta, ampliando tática e melhorando rendimento — destacou o professor Fabiano Mendonça.

Entre os confirmados na seleção está o medalhista olímpico – Rio 2016 – Maicon Andrade, que venceu todas as suas lutas, na categoria + 87 kg, com ampla vantagem.

– Aqui estavam os melhores atletas do Brasil e eu treino muito para chegar e dar meu melhor. Estava parado por conta de uma lesão, mas graças a Deus recuperei rápido, muito bem, consegui concretizar a meta do ano e deu tudo certo. Agora quero competir no circuito europeu e já me preparar para o Sul-Americano e o Pan-Americano, que eram os objetivos principais ao entrar na seleção. O tempo de espera durante a competição é a parte mais difícil e o psicológico pesa, mas quando a gente entra no combate tem que concentrar e fazer o trabalho. A minha equipe é muito unida e alegre, estamos sempre acompanhando uns aos outros e fazer parte deste time, um dos mais fortes do país, é muito gratificante. – comentou Maicon Andrade.
O primeiro colocado, de cada categoria lutada, garantiu vaga de titular e o segundo a de reserva. Veja abaixo a lista completa dos garantidos na seleção e galeria de premiação.

O evento contou com a honra da ilustre presença do Presidente do Comitê Olímpico do Brasil, Paulo Wanderley. Além de prestigiar as lutas, conhecer melhor a nova estrutura que a CBTKD oferece aos novos integrantes da seleção brasileira, Paulo Wanderley conheceu o mascote do Taekwondo do Brasil.
Formação da Seleção Brasileira – Categoria Adulto 2018:

Feminino
Até 46 kg
1) Camila Silva – SP / 2) Dangela Araújo – GO

Até 49 kg
1) Talisca Reis – PR / 2) Nivea Barros – RN

Até 53 kg
1) Leonor Dias – AP / 2) Carolina Vieira – SP

Até 57 kg
1) Rafaela Vieira – SP / 2) Soares – DF

Até 62 kg
1) Caroline Gomes – SP / 2) Barbara Dias – DF

Até 67 kg
1) Milena Titoneli – SP / 2) Luiza Banks – PR

Até 73 kg
1) Raiany Fidelis – MG / 2) Ana Carolina – RJ

Acima 73 kg
1) Gabriele Siqueira – SP / 2) Viviane Melo – MS


Masculino
Até 54 kg
1) Paulo Ricardo – RN / 2) Welington Fraga – RS

Até 58 kg
1) João Miguel – PR / 2) Guilherme Brandão – SC

Até 63 kg
1) Lucas Vieira – GO / 2) João Victor – SC

Até 68 kg
1) Edival Marques “Netinho” – PB / 2) Charles Maioli – ES

Até 74 kg
1) Henrique Moura – AP / 2) Nickollas Souza – SP

Até 80 kg
1) Francisco Santos – AC / 2) João Chaves – PR

Até 87 kg
1) Icaro Miguel – MG / 2) Lucas Ferreira – MG

Acima 87 kg
1) Maicon Andrade – GO / 2) Allif Gomes – RJ