Jiu-jítsu macaense: Atleta mirim vira promessa do esporte macaense

Com apenas oito anos, Isaac Moriz Miranda, tem se destacado nas principais competições de jiu-jítsu da região e do Estado do Rio.

Na primeira entrevista, o menino, até então com seis anos, já havia conquistado cinco medalhas em quatro competições. 12 meses depois, a quantidade de premiações só aumentou. Em 2017 foram 18 competições, onde ganhou 14 medalhas de ouro e quatro de prata, números que surpreendem a todos. 

Nesse ano, o jovem atleta já foi vice-campeão mundial, campeão do Circuito Interno e campeão do 2º Torneio de Projetos. 

"Em um curto período de menos de dois anos, a gente tem notado que ele tem deslanchado no esporte. Sempre conquistando lugar no pódio como primeiro ou segundo colocado. A gente fica realmente muito surpreso com os seus resultados", diz o pai, Allan Pereira Miranda. 

O que seria, a princípio, apenas uma atividade para ocupá-lo durante os horários em que não está na escola, tornou-se a maior paixão do pequeno atleta de Jiu-jítsu, que é morador do Lagomar, uma das áreas mais carentes de Macaé. 

Mas apesar da pouca idade, Isaac leva os treinos a sério, como uma atleta profissional. "Ele treina de segunda a quinta-feira, sempre no horário anterior e após a escola", explica o pai. 

Para a mãe, além da saúde, o esporte melhorou em 90% seu comportamento. "Antes, ele era muito agitado, não conseguia se concentrar em nada. O Jiu-jítsu trouxe essa disciplina para a vida dele. O que chama a nossa atenção é que quando ele entra no tatame a sua expressão muda, seu objetivo é vencer", destaca Daiane da Silva Moris. "A gente fala que hoje se ele não for disciplinado o castigo dele será não treinar", completa o pai. 

De acordo com os pais, a maior dificuldade é conseguir arcar com as despesas dos campeonatos, principalmente os que acontecem fora de Macaé. "Nosso foco agora é levar ele para o Brasileiro, que acontece nos dias 28 e 29 de abril, em São Paulo. Como não temos condições financeiras para isso, resolvemos fazer uma rifa de uma cesta de chocolate para tentar conseguir o dinheiro", explica Allan. 

O valor da rifa é de R$10 e o sorteio será no dia 25 de abril. Para comprar, basta entrar em contato com os pais através dos telefones: (22) 99872-9338 (Allan) ou 99804-9681 (Daiane). Outra forma é pela internet no Facebook (Isaac Moriz Miranda ou Allan Miranda). "Quem puder ajudar, não importa a forma, entre em contato. Temos alguns amigos que nos ajudam sempre que podem, mas o ideal seria ter um patrocinador para que ele pudesse estar competindo nos principais campeonatos do país", ressalta.

Comentários