Egito e Arábia Saudita farão "amistoso" na última rodada



Sem nenhum ponto no Mundial, as duas os Faraós e os Falcões Verdes irão se enfrentar na próxima segunda-feira (25), pela última rodada do Grupo A, às 11h, em Volgogrado. Uma partida com cara de amistoso, onde as duas equipes apenas tentarão fazer uma boa exibição para a torcida, tirando um pouco do peso da decepção da campanha na Copa.

O Egito começou a sua caminhada sem a sua principal estrela, Mohamed Salah. Em recuperação por conta de uma lesão no ombro, o jogador do Liverpool não entrou em campo contra o Uruguai na estreia e viu a sua equipe ser castigada aos 44 minutos do segundo tempo, com gol do zagueiro Giménez. O segundo jogo, no retorno de Salah, o craque pouco pode fazer. Mesmo marcando um gol, o Egito acabou sendo derrotado pela Rússia por 3 a 1. 

O resultado ainda não eliminava matematicamente a equipe de Héctor Cúper, mas deixava a situação muito complicada. Para chegar com chance na última rodada, precisava torcer por uma vitória improvável da Arábia Saudita contra o Uruguai em Rostov.

Mas os sauditas não conseguiram "ajudar" os egípcios. Após perder de goleada na estreia para Rússia, por 5 a 0, os Falcões Verdes precisavam de uma vitória elástica, por 4 a 0, sobre o Uruguai para depender apenas de si na última rodada na tentativa de avançar às oitavas. No entanto, com a derrota por 1 a 0 desta quarta-feira (20), permaneceram na lanterna do Grupo A.

No 'amistoso' de segunda-feira, as duas equipes poderão apenas brigar pela terceira posição e o Egito tem a vantagem do empate já que seu saldo de gols negativo é menor que o da Arábia (-3 contra -6). Uma despedida melancolica para as duas equipes que esperavam fazer mais na Rússia.