Moto Campos passa a fazer parte do Calendário Oficial do Município

A “Semana Municipal do Moto Campos” passou a fazer parte do Calendário Oficial de Eventos de Campos e será realizada, anualmente, na terceira semana do mês de setembro. Depois de três edições de sucesso, a realização mostra a relevância de sua expressão, além de seu potencial turístico. Neste ano, o evento será realizado de 23 a 26 de setembro, no Centro de Eventos Populares Osório Peixoto (Cepop).

No último dia 26, foi realizado o pré-lançamento do IV Moto Campos, onde houve a comemoração da notícia de que o Moto Campos foi incluído no Calendário por unanimidade na Câmara de Vereadores. A lei nº 8.839 foi publicada no Diário Oficial no último dia 28. O diretor de Turismo da cidade, Hans Muylaert, frisa que o evento foi entendido como importante instrumento para o fomento do turismo.

— A solicitação de que o evento Moto Campos fosse incluído no Calendário Oficial do Município veio através da Codemca para o Departamento de Turismo. Entendemos a importância do Moto Club na cidade, com mais de 50 associações de motociclistas. Ele é um grande incentivo ao turismo, cria uma forte movimentação da rede hoteleira, assim como da rede de alimentação e outros segmentos. A proposta foi enviada à Câmara e aprovada por unanimidade — disse Hans.

No último ano, o Moto Campos foi considerado o melhor encontro nacional de motociclistas do estado pela Federação de Moto Clubes do Rio de Janeiro. Foram mais 1,2 mil pessoas trabalhando direta e indiretamente no evento e 80 expositores, além de um público de mais de 50 mil pessoas e 600 moto clubes e moto grupos participando. O organizador do evento Mateus Nogueira considera essencial esta inclusão no Calendário Oficial para manter a realização.

— Esta conquista é essencial para que o evento se mantenha. Faz com que haja a certeza de que o município apoiará a realização, independentemente, do governo que estiver à frente do município. Esta foi realmente uma vitória para nós. Nos últimos anos, o evento mostrou sua força atraindo turistas do Brasil inteiro e movimentando a economia da cidade — disse Mateus.

Comentários