Serra Macaense implanta sistema de análise estatística

Buscando sempre inovar, o Serra Macaense F.C. vem investindo em peso na sua estrutura. Entre as novidades anunciadas nessa temporada está a implantação de um departamento de análise estatística. Segundo o clube, o objetivo é conhecer e melhorar o desempenho dos seus atletas.

Para o levantamento preciso das informações, o Verdão da Serra utiliza o software InStat Scout. De tecnologia russa, o programa fornece um grande banco de dados e vídeos, com relatórios precisos sobre movimentação e jogadas dos atletas do Serra, além dos seus adversários.

Com isto, a Comissão Técnica repassa ao treinador as características individuais e coletivas que permitem o ajuste adequado nos processos de treinamento.

A mesma tecnologia, atualmente utilizada pela Seleção Brasileira em preparação para a disputa da Copa do Mundo, é considerada no Serra Macaense F.C. o diferencial de um clube jovem, em busca das melhores práticas de gestão. “A Instat está muito feliz em fazer parte desta parceria, e com o suporte personalizado 24 horas por dia, 7 dias por semana, estará ao lado do Serra no que for preciso, porque o sucesso do nosso cliente é o nosso maior troféu”, diz Luan Thomaz, analista responsável do Serra Macaense.

Ele também comentou sobre a importância da ferramenta. “O Instat tem sido extremamente importante para o nosso trabalho na atual temporada. Através dos relatórios gerados pelo programa e do estudo de vídeos, podemos analisar nos jogos se tudo que está sendo implantado pelo professor Luiz Felipe no dia a dia de treinamentos está sendo executado de maneira correta pelos atletas dentro de campo. Além de nos auxiliar a corrigir alguns erros, e consequentemente melhorar o rendimento dos nossos atletas, essa análise de desempenho nos auxilia a evoluir nosso jogo coletivo. As correções são realizadas não só antes, mas também durante e após as partidas. Durante a partida utilizamos o Scouting técnico, mas após as partidas conseguimos ter uma análise melhor com os vídeos e mapas que o Instat nos oferece. Nossa comissão analisa, faz as correções e passa através da exibição de vídeos para os atletas”, finalizou.

Comentários