Skatista aldeense treina coreografia com passos de capoeira para representar o Brasil na Áustria

O verão europeu vai ganhar um toque da ginga brasileira entre 27 de junho e 4 de julho: é quando o longboarder Brenno Brélvis, de São Pedro da Aldeia, vai representar o país em um festival. Brenno é o atual 3º lugar no ranking mundial de longboard dancing e já levou o maior título da modalidade em 2016.

“Escolhi esse novo estilo porque brasileiro tem muita facilidade com a ginga da capoeira. Tem aquele molejo, aquele jogo de cintura que tem que ter na dança. Isso me ajuda muito a fluir no long”, disse Brenno.

O longboard dancing é um estilo pouco convencional do skate que mistura elementos do surfe, da dança e do freestyle (estilo livre). A modalidade não necessita de ladeiras e pode ser praticada em praças públicas e onde houver terreno plano.

Em parceria com a Simples longboards o atleta brasileiro irá participar da abertura do verão europeu na Áustria. O skatista pratica a modalidade desde os 15 anos, quando o esporte não era tão conhecido mundialmente. É que, na verdade, o Brenno queria surfar, mas não tinha condições financeiras de estar na praia com frequência. Ele começou e continua treinando nas ruas do Centro de São Pedro, cidade da Região dos Lagos do Rio de Janeiro.
“A expectativa é muito grande porque agora eu estou trabalhando com apoiadores internacionais. Espero evoluir muito e continuar representando o Brasil no longboard dancing. Tenho trabalhado muito no indie rock, pois dá pra colocar elementos da capoeira e tenho treinado três vezes por semana. Pego meu celular, vou pra rua e simplesmente começo a construir a coreografia em cima do long. Meio que flui naturalmente”, declarou o atleta, que já competiu na Holanda neste ano.

Comentários