Carisma, esperança e seleção 100%: a vitória da Croácia sobre a Islândia

Islândia x Croácia
Foi bonito, mais uma vez os islandeses dentro e fora de campo deram show de carisma e fizeram história, mas não foi desta vez que veio a primeira vitória em um Mundial, muito menos a classificação às oitavas de final. A derrota por 2 a 1 para a Croácia, em Rostov, nesta terça-feira, marcou a eliminação da seleção escandinava e a garantia da primeira posição dos croatas no Grupo D. E com 100% de aproveitamento.  

Agora, a Croácia enfrenta a Dinamarca às 15h (de Brasília) do próximo domingo, em Nizhny Novgorod, pelas oitavas de final da competição. Os croatas controlaram o jogo do início ao fim. Abriram o placar, levaram um empate em lance acidental e depois fecharam a vitória no fim da partida, com Perisic.

Islândia estuda; Croácia controla
Os croatas entraram em campo com inúmeras modificações em relação aos dois jogos anteriores, já pensando nas oitavas de final da competição. Com a classificação na mão, o empate seria suficiente para garantir a primeira posição no grupo e 'fugir' da França, portanto o controle do jogo, sem tanto ímpeto, fazia parte do plano. Já a Islândia, apesar de precisar da vitória, optou por estudar o adversário e esperar o momento certo para tentar a vitória.

Demorou, mas a Islândia chegou
Depois de muito estudo e poucas chances de gol, os islandeses começaram a ensaiar uma pressão quando o cronômetro já marcava quase 30 minutos do primeiro tempo, apostando, principalmente, na bola aérea. Houve também uma chance em troca de passes em que Finnbogason acertou um chute que raspou a trave, além de uma bela finalização de Gunnarson defendida com igual beleza pelo goleiro croata Kalinic.

Primeiro o ensaio, depois o gol
Na volta do intervalo, a Croácia decidiu acabar com a monotonia que vinha apresentando e matar o jogo. Primeiro Badelj acertou o travessão com um chute de longe, pouco tempo depois, pegou rebote dentro da área e finalizou com facilidade para abrir o placar. Os croatas pareciam que venceriam o jogo quando quisessem.

Empate, esperança, mas eliminação
Depois de levar o gol a Islândia precisaria vencer por 3 a 1 para se classificar às oitavas, quando Argentina e Nigéria empatavam por 1 a 1. Em um das tentativas, Lovren colocou a mão dentro da área e o árbitro marcou pênalti para os escandinavos, que Gylfi. Sigurdsson, que havia perdido um contra a Nigéria, converteu e empatou. Os argentinos fizeram o 2 a 1, e assim bastaria um gol para a classificação, mas quem marcou foi a Croácia, com Perisic.

FICHA TÉCNICA
ISLÂNDIA 1 X 2 CROÁCIA
Local: Rostov Arena, Rostov (RUS)
Data-Hora: 26/6/2018 - 15h
Árbitro: Antonio Mateu Lahoz (ESP)
Auxiliares: Pau Cebrian (ESP) e Roberto Diaz (ESP)
Público: Não disponíveis
Cartões amarelos: Saevarsson, Finnbogason e Halfredsson (ISL), Jedvaj e Pjaca (CRO)
Cartões vermelhos: -
Gols: Badelj (7'/2ºT) (0-1), G. Sigurdssom (30'/2ºT) (1-1) e Perisic (44'/2ºT) (1-2).