Americano se inspira na águia e busca "carne fresca" na Taça Corcovado

Nas mãos de Josué Teixeira, o Americano alcançou uma série impressionante na Série B1: 10 jogos de invencibilidade, sendo nove vitórias seguidas que resultaram no título da Taça Santos Dumont. A vaga na semifinal geral - fase em que será decidido o acesso - já está garantida. Sendo assim, como buscar motivação para a Taça Corcovado, que começa neste sábado? O comandante alvinegro explica.

- Fazer de cada jogo um novo jogo. Eu falei para eles (jogadores) o seguinte: a águia é o animal mais inteligente que tem. Ela só se alimenta de carne fresca. Não se alimenta de nada que já morreu. E nós não podemos nos alimentar de glórias do passado. Ganhamos (a Taça SD), mas já passou. Agora é outro momento, outra conquista, outra vitória. Você tem que se acostumar a ganhar sempre. Ganhei 10? Quero ganhar 11. Por que não podemos bater o recorde do Botafogo de 42 partidas (de invencibilidade, na Série A do Brasileiro)? É isso.

De maneira mais objetiva, Josué Teixeira também utilizou a Copa Rio como elemento importante neste processo de manutenção da motivação. O Glorioso estreia no próximo dia 25, no jogo de ida contra o Rio São Paulo, válido pela primeira fase do torneio.

- Temos uma outra competição, que é a Copa Rio, que te dá uma Copa do Brasil ou Série D em 2019. Então, se tiver ambiação e organização, podemos chegar também. Já é nesse período e dá para fazer essa leitura boa, montar o grupo, que tem 23 jogadores, é curto. É importante ter todos eles e vamos procurar usar todos - projetou.

Neste sábado (14) o Americano começa a caminhada na Taça Corcovado. No Estádio Ângelo de Carvalho, receberá o Carapebus, às 15h. 

Fonte: FutRio