No São José, clima de alívio por Quartona mais "enxuta" do que em 2017

Falta pouco para o Clube de Futebol São José voltar ao futebol profissional. Depois de cinco anos, o clube originário de Itaperuna rodou o Estado para voltar a Miracema, onde se prepara para a Quartona, que começa neste domingo. Não é só por causa da estreia contra o Paduano, rival local, que há uma grande expectativa no clube, mas também pela possibilidade de fazr bonito em 2018.

No ano passado, os gestores e a comissão técnica que hoje estão no São José faziam parte do Paraíba do Sul. Na altura, o clube conviveu com grandes dificuldades e precisou se segurar para chegar ao final da competição. Desta vez, a confiança gerada é mais alta, sobretudo pela competição atual ser mais "enxuta" do que em 2017. O técnico Jorge Bug acredita que isso será um alívio para o clube e aumentará as chances de sucesso.

– O campeonato deste ano tem um regulamento diferente, com quatro times dentro de um grupo e depois o mata-mata. No ano passado, eram sete, oito times por chave, isso desgastava muito. A experiência que tivemos no ano passado foi fundamental para chegarmos agora e fazer um bom campeonato. Sabemos que há outros times que estão chegando muito bem, que são qualificados e tem bons jogadores, mas nosso objetivo é chegar à Série B, conseguir o acesso – diz o treinador.

Em Miracema, o São José vive os últimos dias de espera antes do grande jogo contra o Paduano, no Estádio Plínio de Bastos Barros. A bola rola no domingo (29), às 15h.

Fonte: FutRio

Comentários