Duque de Caxias sai na frente, mas Macaé busca empate no Marrentão

Na noite desta quarta-feira (8, no Marrentão, Duque de Caxias e Macaé se enfrentaram pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa Rio e a partida acabou em 1 a 1. O Tricolor da Baixada saiu na frente com Lino, mas Léo Henrique deixou tudo igual. Na segunda etapa o Duque ainda teve o zagueiro Vagner Eugênio expulso, por reclamação.

A partida de volta acontece no próximo dia 22, às 15h, no Estádio Claudio Moacyr de Azevedo. Antes, o Duque de Caxias foca na Segundona Estadual, enquanto o Leão fica no aguardo do segundo round, já que não possui outra competição em disputa.

Gols na etapa inicial em Xerém
Quem começou tomando a iniciativa do jogo foi o time da casa. O Duque de Caxias ocupava o campo ofensivo, mas não finalizava. Porém, aos 19 minutos, Oziel cobrou escanteio, Luís Cetin saiu de soco, mas afastou mal. A sobra ficou com Lino, que dominou e, mesmo com dois defensores em cima da linha, colocou o Tricolor da Baixada em vantagem.

Os visitantes não demoraram a empatar. E de maneira esquisita. Dônavan cobrou falta pra área, Vagão cabeceou errado, mas a bola ficou com Willian Thurran, que furou. Léo Henrique, por sua vez, colocou pro fundo das redes. O Duque de Caxias, quase voltou a liderar o marcador logo a seguir. Em cobrança de falta ensaiada, Bruno Veiga recebeu de Esquerdinha, saiu na cara do gol, mas mandou por cima da meta. 

Depois do empate, o Duque de Caxias voltou a ter mais posse de bola, mas o jogo ficou muito truncado, inclusive com algumas faltas mais fortes, que resultaram em cartões. Sem mais nenhuma chance clara, a partida foi para o intervalo com o placar de 1 a 1. 
image
Ritmo cai no segundo tempo e 1 a 1 persiste até o fim 
Como no primeiro tempo, o Duque de Caxias voltou dominando a posse de bola e ocupando o campo de ataque. Porém, aos dez minutos, Vagner Eugênio reclamou da não marcação de um pênalti a favor do Tricolor da Baixada, recebeu o cartão amarelo e, como já tinha um, acabou sendo expulso. Com um a mais em campo, o Macaé buscou sair mais para o ataque. 

Dônavan chutou de fora da área e a bola passou rente ao travessão. Em seguida, o camisa 10 finalizou novamente de longe, a bola desviou em Flavinho, mas Jaime segurou firme. Depois da parada técnica foi a vez de Matheus Babi dar trabalho ao goleiro do Duque de Caxias, mas o arqueiro fez a defesa em dois tempos. 

Apesar de dominar a posse de bola, o Macaé errava muitos passes e não conseguia entrar na defesa do Duque de Caxias. O Tricolor da Baixada se limitou a ficar na defesa, não criando jogadas de contra-ataque, consequentemnte, sem mexer no placar de 1 a 1. 

Duque de Caxias 1x1 Macaé - Copa Rio, oitavas de final, ida - 08/08/2018 às 19h

Estádio Marrentão (Duque de Caxias-RJ) 
Árbitro: Bruno Mota Correia  
Assistentes: Raphael Carlos de Almeida Tavares dos Reis e Victor André Balbino Costa   

Duque de Caxias: Jaime; Oziel, Vagner Eugenio, Júlio César Pit e Flavinho; Neves, Sassá e Esquerdinha; Bruno Veiga (Arilson, 34'/2ºT), Nathan e Lino (Matheus Avelar, 19'/2ºT). Técnico: Júlio Marinho.

Macaé: Luis Cetin; Daniel, Willian Thurran, Vagão e Luis Felipe; Levi, Wagner Carioca, Dônavan e Léo Henrique; Matheus Babi e Yago (Maranhão, 30'/2ºT). Técnico: Carlinhos Ganjão.

Cartões amarelos: Neves e Vagner Eugênio (DUQ); Daniel, Léo Henrique e Wagner Carioca (MAC).

Cartão vermelho: Vagner Eugênio, 10'/2ºT (DUQ).

Gols: Lino, 19'/1ºT (1-0); Léo Henrique, 25'/1ºT (1-1).

Fonte: FutRio

Comentários