Súmula do WO pode complicar ainda mais o Independente na Quartona

No último domingo (19), o Independente recebeu o Tomazinho, no Moacyrzão, mas a partida acabou por não acontecer, devido a falta de enfermeiro na âmbulancia. Após esperar o tempo necessário e previsto no regulamento, o quarteto de arbitragem deu fim a espera e concretizou o WO a favor do Tomazinho.

Com o quarteto já no vestiário, membros da diretoria do Independente e da Liga de Macaé invadiram o espaço destinado a arbitragem com agressões físicas e verbais direcionadas ao quarto árbitro.

O delegado da partida, Djalma César Moreira de Souza, e o assessor de arbitragem, José Orlando, também foram vítimas das agressões verbais dos dirigentes.

Além de socos e pontapés, os integrantes da direção do Independente arremessaram bolsa e mesa em direção ao quarto árbitro. A súmula também aponta o furto de um óculos que pertencia ao quarteto.

Confira a súmula completa:

image


Fonte: FutRio