Audax Rio vence Sampaio Corrêa nos pênaltis e é campeão da Taça Corcovado

imgCapa
Sampaio Corrêa e Audax se enfrentaram no Estádio Lourival Gomes de Almeida, em Saquarema e, com gols de Léo Guerreiro, para os mandantes, e Gilcimar, para os visitantes, empataram em 1 a 1, levando a decisão para os pênaltis.

Passada as comemorações e ressacas, Audax e Sampaio já voltam a campo na próxima quarta-feira (19), às 15h, pela semifinal geral da Série B1. A Laranja Meritiense enfrenta o Americano, em Moça Bonita, enquanto o Galinho da Serra vai receber o America, no Lourival Gomes de Almeida.

Audax aproveita a chance e sai na frente
Com a equipe titular, o Audax mostrou um pouco mais de entrosamento nos primeiros minutos. Antes dos dez, duas finalizações de média distância deixaram o goleiro Guilherme ligado na parte, primeiro com Rodrigo Yuri e, na sequência, com Denilson. Aos 24 a melhor chance. Denilson deu lindo passe para Gilcimar que saiu na cara de Guilherme. O camisa 9 do Audax chutou forte e o goleiro do Galinho da Serra fez grande defesa, colocando para escanteio.
O Sampaio tentou respirar aos 25. Gama recebeu na área, tentou o chute cruzado, mas Zé Romário fez o corte pela linha de fundo. O Galinho voltou a assustar de forma parecida, mas dessa vez com Anderson Luiz, que também foi travado pela defesa. Após os mandantes equilibrarem, o Audax encaixou um contra-ataque fulminante. Aos 37, Léo Pimenta esticou pela esquerda e deu lindo passe pra Gilcimar. O camisa 9 entrou na cara de Guilherme e não perdoou, botando a Laranja Meritiense na frente do placar.

Aos 43, o Audax chegou de novo e com facilidade. Jean, Denilson e Léo Pimenta fizeram linda triangulação, mas o camisa 11 mandou pra fora, rente a trave direita de Guilherme.

Sampaio não desiste e empata no fim
A primeira boa chance do segundo tempo foi do Sampaio. Após furada incrível de Henrique, Gama ficou livre, ajeitou e encheu o pé. A bola saiu por cima da meta defendida por Max. Após a parada técnica, os mandantes chegaram mais uma vez. Manga tabelou com Sorriso, que bateu cruzado e viu Max fazer defesa segura.

O Audax tentou responder aos 32. Wesley Bolinha recebeu em profundidade e tocou na saída de Guilherme, mas a bola caprichosamente saiu pela linha de fundo. Atrás do empate, o Sampaio assustou com Anderson Manga. Aos 36, o atacante chutou da entrada da área, a bola desviou na defesa e Max conseguiu fazer a intervenção no contrapé, mantendo Audax na frente do placar.

Antes do apito final, cada equipe chegou mais uma vez ao ataque. O Audax assustou com Felipe Augusto, que bateu da entrada da área, mas Guilherme fez a defesa. Na sequência, Sorriso arriscou de longe e Max pegou com tranquilidade. 

Aos 44, Juninho Bolt fez boa jogada de linha de fundo, cruzou e Léo Guerreiro, o ceifador de Sampaio Corrêa, testou sem chances para Max, empatando a final no último minuto.

Sampaio Corrêa 1(3)x(4)1 Audax - Taça Corcovado, final - 15/09/2018 às 15h

Estádio Lourival Gomes de Almeida (Saquarema - RJ) 
Árbitro: Carlos Eduardo Nunes Braga
Assistentes: Lilian da Silva Fernandes Bruno e Andréa Izaura Maffra Marcelino de Sá

Sampaio Corrêa: Guilherme; Cassio, Pessanha, Anderson Luiz e Dieguinho; Dudu (Leomir, intervalo), Gama, Fábio Neves e Luciano Mandi (Sorriso, intervalo); Juninho Bolt e Anderson Manga.Técnico: Luciano Quadros.

Audax Rio: Max; Thiaguinho (Iuri Pimentel, 35'/1°T), Zé Romário, Maurício e Jean; Henrique, Rodrigo Yuri, Pizzi (Wesley Bolinha, 17'/2°T), Denilson e Léo Pimenta; Gilcimar (Felipe Augusto, 25'/2°T). Técnico: Eduardo Allax.

Gols: Gilcimar, 37'/1°T (0-1); Léo Guerreiro, 44'/2°T (1-1);

Cartões amarelo: Anderson Luiz (SCO); Thiaguinho e Léo Pimenta (AUD)

Fonte: FutRio