Fluminense recebe o Vitória em duelo de ameaçados no Maracanã


O Fluminense recebe o Vitória nesta quinta-feira, às 19h(de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela 23ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Tricolor, que vem de empate por 1 a 1 com o São Paulo fora de casa, aparece com 27 pontos e precisa de um triunfo para se distanciar da zona de rebaixamento. A meta é a mesma do Leão, que tem dois pontos a menos, porém, que ganhou um novo fôlego ao ganhar os dois últimos compromissos por 1 a 0, contra Atlético-MG e América-MG, ambos na Bahia.

A boa campanha recente do Vitória ligou o sinal de alerta no Fluminense, que demonstra preocupação com a subida de produção do time baiano justamente às vésperas de ambos se encontrarem neste Brasileirão.

“O Vitória atravessa um grande momento, vem subindo de produção e ganhou os dois últimos jogos. O Vitória com certeza vai criar muitas dificuldades. Mas como estamos falando em um confronto direto, dentro da nossa casa, temos que nos impor e conseguir o resultado positivo”, disse o lateral-direito Léo, que vai novamente ser escalado no lugar de Gilberto, que está vetado por conta de dores no joelho esquerdo.

O técnico Marcelo Oliveira, porém, demostra otimismo em relação ao jogo desta quinta-feira.
“Temos condições de fazermos um bom jogo corrigindo algumas questões. Vai ser um jogo complicado, pois o Vitória vem em um bom momento, mas, atuando em casa, temos que conquistar um bom resultado”, disse Oliveira.

Além da ausência de Gilberto, o Fluminense perdeu o meia Junior Sornoza, convocado para a seleção equatoriana. Daniel seria uma opção de troca pura e simples, porém, a tendência é um atacante seja improvisado. Neste caso Luciano, Marcos Júnior e Júnior Dutra surgem como cotados. Vale lembrar que o centroavante Pedro, com lesão no ligamento do joelho direito, permanece de fora, deixando Kayke como dono da posição provisoriamente. A boa notícia é que o zagueiro Gum, que cumpriu suspensão diante do São Paulo e retorna na vaga de Ibañez.

Pelo lado do Vitória, o técnico Paulo César Carpegiani quer sua equipe jogando, no Maracanã, da mesma maneira que tem atuando na Bahia.

“Quero que o Vitória tenha fora de casa a mesma intensidade que apresenta no Barradão. Quando conseguirmos isso, vamos acabar com a preocupação do torcedor de olhar o tempo todo para a tabela de classificação. Eu não quero que meus jogadores olhem a tabela, nós teremos a possibilidade de mudar isso já a partir deste jogo com o Fluminense, que vai ser muito complicado”, disse.

O Rubro-Negro tem desfalques importantes para este compromisso. O atacante Neilton, suspenso por acúmulo de cartões amarelos, fica de fora. Lucas Fernandes, que seria uma opção, não pode atuar pois seus direitos federativos estão ligados ao Fluminense. Assim, Rhayner, que retorna após incômodo na coxa esquerda, deve ser o escolhido. O volante reserva Marcelo Meli, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o América, também não pode atuar, enquanto o recém-contratado Fabiano não poderá estrear na lateral-esquerda, pois reclama de dores devido a um edema na coxa esquerda.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro, as duas equipes se enfrentaram no Estádio Barradão, em Salvador (BA), e o Fluminense, de virada, ganhou por 2 a 1. Naquela ocasião, Neilton fez o gol do Leão, porém, Pablo Dyego e Gilberto garantiram os tentos dos cariocas.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE-RJ X VITÓRIA-BA
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 6 de setembro de 2018 (Quinta-feira)
Horário: 19h(de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Leirson Peng Martins (RS)

FLUMINENSE: Júlio César, Léo, Gum, Digão e Ayrton Lucas; Richard, Jadson, Dodi e Marcos Júnior (Luciano ou Júnior Dutra); Everaldo e Kayke
Técnico: Marcelo Oliveira

VITÓRIA: Ronaldo, Jeferson, Lucas Ribeiro, Ramon e Bruno Bispo; Rodrigo Andrade, Léo Gomes, Yago e Erick; Rhayner e Léo Ceará
Técnico: Paulo César Carpegiani

Comentários