Vasco busca primeira vitória fora de casa no Brasileirão contra o Paraná


Após um lento início com Alberto Valentim, o Vasco parece estar reencontrando os trilhos certos rumo à recuperação no Campeonato Brasileiro. O Cruz-Maltino convive com a zona de rebaixamento, já que ocupa a 16ª posição - uma acima da área perigosa da tabela do Brasileirão -, tendo a vantagem de um ponto para a Chapecoense, 17ª colocada. 

Sem perder há três jogos na competição nacional - empates contra Flamengo e Santos e vitória diante do Bahia -, o desempenho dentro das quatro linhas ainda pode estar aquêm do esperado pelos torcedores, mas é fato que o Vasco teve uma melhora no seu desempenho, oferecendo um nível de competitividade muito maior. 

Porém, ainda falta uma conquista para confirmar que o clube de São Januário começou, de vez, a luta contra as últimas quatro posições da tabela: uma vitória fora de casa. Até essa altura do campeonato, o Vasco é o único clube que não venceu uma partida longe de seus domínios. A oportunidade para isso pode ocorrer na próxima segunda-feira, no duelo contra o Paraná, em Curitiba. 

O Paraná é o último colocado do campeonato e, por sua vez, busca começar uma retomada história com uma vitória diante de sua torcida. Uma vitória Cruz-Maltina seria o verdadeiro significado de alívio na tabela, já que o Vasco chegaria aos 32 pontos - mesma quantidade atual do Botafogo, que está na 12ª posição.

O Tricolor da Vila não vence há treze rodadas no Brasileirão, já que o último resultado positivo ocorreu em julho, no Estádio Durival de Britto, em uma vitória por 1 a 0 sobre o América-MG. Porém, a Gralha-Azul ofereceu muitas dificuldades para outras equipes na Vila Capanema: por exemplo, o líder São Paulo e o Botafogo empataram em 1 a 1 em seus respectivos duelos em Curitiba contra o Paraná. 

Tudo ou nada: outro jogo da rodada não dá outra opção se não a vitória
Quando o Vasco entrar no gramado do Estádio Durival de Britto, na segunda-feira, já terá noção do resultado da partida entre Ceará e Chapecoense, que será realizada no domingo. Na Arena Castelão, as duas equipes fazem um 'jogo de seis pontos', que será importantíssimo para ambas, já que ambas estão na zona de rebaixamento. 

Atualmente, a Chapecoense ocupa a 17ª posição na tabela, com 28 pontos conquistados. O Ceará, por sua vez, está um lugar abaixo, tendo 27 pontos ganhos. Ambos estão logo atrás do Vasco, que possui 29 e é o primeiro clube fora da zona de rebaixamento. 

Qualquer resultado da partida no Ceará pressiona o Vasco por um resultado positivo. Se houver um vencedor, a equipe consequentemente ultrapassará o Cruz-Maltino na tabela; O empate seria o cenário ideal, já que assim o clube de São Januário não perde nenhuma posição no Brasileirão.

Última vitória fora de casa
É essencial para qualquer equipe que busque preencher seus objetivos vencer tanto dentro quanto fora de casa. A partida contra o Santos, na Vila Belmiro, provou que o Vasco está encontrando um padrão tático e isso pode ajudar a encontrar saídas diante de um adversário que se encontra em uma situação nada confortável, e praticamente não pode cometer erros para tentar sair da lanterna. 

O último triunfo longe de seus domínios aconteceu no dia 22 de maio, quando o Vasco derrotou a Universidad de Chile por 2 a 0, com gols marcados por Bruno Silva e Yago Pikachu, e conseguiu o terceiro lugar em seu grupo na Taça Libertadores, conquistando uma vaga na outra fase da Copa Sul-Americana. 

Com o retorno do atacante Maxi López, uma clara evolução desde que Alberto Valrentim assumiu o cargo de treinador e convivendo com um duelo diante de uma equipe que vive uma situação muito difícil de ser revertida, o Vasco vê uma grande chance de espantar o 'fantasma' que assusta o clube longe do Rio de Janeiro.