Corrida Ecológica do Sana acontece neste domingo

Considerada uma das provas mais bonitas e tradicionais da região, a Corrida Ecológica do Sana, promovida pela Associação de Corredores de Rua de Macaé (Ascom), chega à sua 11ª edição. Atletas locais e de outras regiões do Estado do Rio já estão se preparando para o desafio, que acontecerá no próximo domingo (21).

A prova consiste em um percurso de 7.4 quilômetros em um local privilegiado. Por questões ambientais, a prova terá vagas limitadas. São esperados 200 atletas, sendo 50 deles crianças. De acordo com a organização, apesar de as inscrições pela internet terem encerrado na última segunda-feira (15), ainda há vagas para quem quiser participar. Os interessados deverão entrar em contato com Vera Mota através do telefone: (22) 99915-5355 (WhatsAPP). O valor da taxa é de R$ 70 (adulto) e gratuito (crianças).

No final da prova vão acontecer as premiações. Os cinco primeiros colocados no Geral, tanto no masculino, quanto no feminino, e o atleta mais idoso (feminino/masculino) vão ganhar um troféu. No Geral também terá medalhas de ouro, prata e bronze.

Haverá troféus para as duas primeiras equipes (por índice técnico) e todos os participantes serão contemplados com uma medalha de participação.

A Ascom foi fundada em 05 de Junho de 2006, com o objetivo de reunir as pessoas que sempre representaram Macaé em provas de pequenas e longas distâncias, para crianças e adultos. Hoje a instituição é formada por atletas de várias cidades que têm o esporte como um objetivo em comum.

Pessoas interessadas em integrar a equipe podem entrar em contato através do e-mail, ascom.macae@hotmail.com ou pelos telefones: (22) 99915-5355 (Vera) ou (22) 99767-8557 (Aprígio). Mais informações sobre a associação também podem ser obtidas pelo site: www.ascommacae.com.

Atleta conquista pódio no ES
Aos poucos, grandes nomes do esporte macaense vão se destacando nas principais competições pelo país. É o caso de Nelson Maria Oliveira, atleta da Ascom, que foi terceiro lugar na sua categoria (50-54 anos) na Primeira Maratona Caixa, no Espírito Santo.

Após percorrer um trajeto de 42 quilômetros entre Guarapari, no Parque Estadual Paulo César Vinha, e Vitória, capital capixaba, o ultramaratonista comemorou o lugar no pódio. “A prova foi muito disputada. Além dos adversários, o percurso era composto por subidas e descidas e pela terceira ponte. O clima não ajudava muito, pois estava bem abafado. Com muita perseverança, consegui o terceiro lugar. Foi um evento muito bom e bastante organizado. Não faltou nada para os participantes. Agradeço a Deus, primeiramente, por ter me dado forças para enfrentar o desafio e conquistar essa vitória, e aos familiares e amigos pelo apoio de cada um.