Flamengo x Palmeiras - 'Final antecipada' do Brasileirão no Maracanã

Resultado de imagem para flamengo x palmeiras
Nas duas primeiras colocações do Campeonato Brasileiro da Série A, Flamengo e Palmeiras fazem um duelo direto pela primeira colocação em uma partida que é considerada para muitos, uma 'final antecipada'. O jogo válido pela 31ª rodada está marcado para este sábado, às 19h, no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). O time paulista tenta abrir ainda mais vantagem na ponta e os donos da casa querem colar no líder.

Com 62 pontos ganhos em 30 jogos, o Palmeiras está na liderança isolada e vem de cinco vitórias seguidas no Brasileirão. Mas nesse meio de semana, sofreu um duro golpe ao ser derrotado pelo Boca Júnior, pelo placar de 2 a 0, no duelo de ida das semifinais da Libertadores. Por conta disso, o alviverde busca a reabilitação para saber dividir as duas competições. Já o Flamengo, vem logo atrás em segundo, com 58 pontos. De qualquer forma, independente do resultado, o time alviverde irá terminar a rodada na ponta.

MENGÃO SE PREPARA PARA 'JOGO MAIS IMPORTANTE DO ANO'
O Flamengo recebe o Palmeiras neste sábado, no Maracanã, em confronto decisivo para suas pretensões na reta final do Campeonato Brasileiro. Vice-líder com 58 pontos, a equipe está a quatro do adversário e precisa vencer para seguir sonhando com o título. O atacante Vitinho ressaltou a importância do duelo.

"É o jogo mais importante do ano, por ser contra o líder, confronto direto. Trabalhando bem e conquistando a vitória, a gente encosta no Palmeiras. A gente tem que vencer a partida, que vai nos colocar mais próximo para brigar", declarou nesta sexta-feira.

Vitinho é uma das principais apostas da equipe para o duelo. Depois de um início difícil no Flamengo e de chegar a perder a titularidade, o atacante se recuperou, encontrou seu melhor futebol sob o comando de Dorival Júnior e se tornou um dos destaques do elenco.

"Quero aproveitar ao máximo as oportunidades, trabalhando para render. Tenho conseguido evoluir a cada partida e meu jogo tem ajudado a equipe. E temos conquistado os objetivos", avaliou.

O próprio Vitinho, no entanto, admitiu a dificuldade de seu início de trajetória no clube. Contratado por 10 milhões de euros, na contratação mais cara da história rubro-negra, o jogador sofreu com as críticas, mas considerou que seu maior adversário era ele mesmo.

"A ansiedade acabou me atrapalhando um pouco. Agora, mais tranquilo, mais leve, tenho conseguido boas partidas. Isso tem sido o diferencial. Fiquei um pouco ansioso no início e hoje tenho conseguido o equilíbrio, que é o que eu precisava", avaliou. "Recebi cobranças de todos os lados, mas também me cobrei em excesso. E isso me atrapalhou. No fim das contas, eu que tenho as atitudes e preciso saber controlar."


FELIPÃO QUEBRA A CABEÇA PARA ESCALAR PALMEIRAS
A escalação do Palmeiras para enfrentar o Flamengo sábado, no Maracanã, virou a montagem de um quebra-cabeça para Luiz Felipe Scolari. Além dos jogadores suspensos, o treinador terá de administrar a questão física em função da maratona de jogos. Contra o Ceará, o time perdeu o lateral Mayke, o volante Bruno Henrique, o meia Lucas Lima e o atacante Deyverson.

O problema maior é o setor direito da defesa. Jean sentiu dores musculares no último confronto e Marcos Rocha se recupera de lesão na panturrilha. Com isso, Felipão pode escalar algum jogador da base ou improvisar um zagueiro como lateral.

No meio, existem várias opções. Thiago Santos é o substituto de Bruno Henrique. Na vaga de Lucas Lima na armação, Moisés, Dudu e Guerra podem fazer a função. Dos três, apenas o venezuelano não atuou diante do Boca Juniors, na quarta. Para o lugar de Deyverson, o treinador conta com Borja e Willian. O Palmeiras terá o jogo de volta com o Boca na próxima quarta, dia 31. Nesse aspecto, também entra a recuperação emocional do elenco para os dois torneios.

FICHA TÉCNICA
Flamengo-RJ x Palmeiras-SP
19h00
Maracanã - Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Assistentes: Ivan Carlos Bohn e Rafael Trombeta (PR)

Flamengo-RJ
César; Pará, Léo Duarte, Réver e Renê; Cuellar e William Arão; Éverton Ribeiro, Lucas Paquetá e Vitinho; Uribe.
Técnico: Dorival Júnior

Palmeiras-SP
Fernando Prass; Gustavo Gomez, Antônio Carlos, Edu Dracena e Victor Luís; Thiago Santos, Felipe Melo, Scarpa, Dudu e Hyoran; Borja.
Técnico: Luiz Felipe Scolarri