Concentração é o ponto de trabalho no Campos antes da decisão com Maricá

image
O Campos construiu uma vantagem interessante para o jogo de volta contra o Maricá, na semifinal geral da Série B2 do Campeonato Carioca. O time venceu o adversário por 2 a 0 e pode perder por até um gol de diferença que conquista, novamente, o acesso à Segundona do Estadual. A concentração é o ponto de trabalho no clube para não se deixar levar pela vantagem construída na última quarta-feira (28).

Um dos porta-vozes do grupo foi o atacante DG, que teve atuação destacada no jogo de ida no Ângelo de Carvalho. Entrando no segundo tempo do encontro, o camisa 17 deu movimentação e velocidade ao ataque, construindo lances, junto com Jairo, pelo setor direito do ataque do Roxinho. O jogador exaltou as qualidades do rival ao pedir humildade antes do segundo confronto decisivo.

- A equipe do Maricá é muito qualificada. É uma equipe que joga com a bola no pé. Mas o nossa equipe pode ser bem superior. A gente tem que esquecer essa vantagem, botar que nada está ganho. Trabalhar forte e focar que temos mais 90 minutos e nada está decidido ainda - disse ainda falando do trabalho mental após a decisão do STJD de retirar o acesso do Campos e remarcar as semifinais.

- Nós tomamos um baque com a decisão do tribunal. Sabíamos as dificuldades que encontraríamos contra o Maricá. Mas nada disso afetou a gente, veio abalar a gente. Nossa equipe é muito forte e diante disso tudo conseguimos ser superiores.

O duelo decisivo entre Campos e Maricá acontece neste sábado, dia 1º de dezembro, às 16h, no Alzirão, em Itaboraí. 

Fonte: FutRio

Comentários