Goytacaz apresentou nesta segunda-feira, o atacante Edinho

imgCapa
O Goytacaz anunciou nesta segunda-feira, 12 de novembro, a contratação do atacante Edinho. O jogador chegou à Rua do Gás, assinou contrato para a temporada 2019 e depois foi apresentado à imprensa.

Com boa passagem pelo futebol capixaba, Edinho fez história no Irã ao se tornar o maior artilheiro estrangeiro do país com 91 gols e ser apelidado de "Ronaldinho Gaúcho Iraniano". O atacante atuou também em Portugal, Bulgária, Coreia do Sul, Emirados Árabes e Catar.
Eder Luciano (nome de batismo do jogador) nasceu em Cariacica, no Espírito Santo, começando sua carreira no Cachoeiro (ES), depois atuando no futebol sul-coreano e português, antes de voltar ao Brasil. Colatina (ES), Jaguaré (ES), Santo André (SP), Vitória (ES), Vilavelhense (ES), Veranópolis (RS), Espírito Santo e Desportiva (ES). Aliás, a Tiva foi o último clube do ponta de lança, que atuou durante a Série D do Brasileiro.

Outras novidades também se apresentam
Além de Edinho, o Goytacaz já conta em seu elenco com outros novos jogadores, que estiveram nesta segunda-feira (12) no Aryzão para a retomada dos treinamentos sob o comando do técnico Athirson. Além de Edinho, também desembarcaram na Rua do Gás o lateral-esquerdo Daniel, os meias Michel e Bruno Vianna e o atacante Pilar. Todos já eram esperados para se integrar ao grupo alvianil, que está perto de ser fechado para a disputa da Seletiva, que começa em 40 dias.

Quem mais chama atenção entre as novidades é o meia Bruno Vianna. Jogador de 22 anos de idade, ele atua também como lateral-esquerdo e chega diretamente do rival Americano. Revelado nas categorias de base do Alvinegro, ele ganhou sua primeira oportunidade no elenco profissional em 2018, marcando três gols em 24 partidas, mas ficando fora da reta decisiva da Série B1 do Carioca e da Copa Rio, competições em que o Americano se destacou, sendo vice na primeira e ganhando a segunda.

Daniel, de 28 anos, é lateral-esquerdo de origem, mas pode atuar também mais adiantado, especialmente na ponta-esquerda. Seu último clube foi o Goianésia (GO) e ele chega sob indicação de Athirson, com quem trabalhou no Flamengo (PI), há dois anos. Em sua carreira, o canhoto também já passou pelo futebol campista, mais especificamente pelo Americano, em 2010, mas de maneira modesta. Entre outros clubes que defendeu em sua carreira, há destaque para Villa Nova (MG), Formiga (MG), Rio Branco (SP) e Sertãozinho (SP).

Do América (MG), chega a dupla Michel e Pilar. O primeiro é um meia-atacante de 21 anos que foi revelado pelo Coelho, mas já atuou também pelos mineiros Caldense e Guarani. Pilar, também de 21 anos, é centroavante e passou pelos profissionais do clube belorizontino, embora tenha passado ainda pelo Betinense (MG). Para os dois, esta poderá ser a primeira oportunidade de ter sequência profissionalmente na carreira.

O Goyta fará sua estreia na Seletiva em 22 de dezembro, contra o Nova Iguaçu, no Estádio Jânio Moraes.
A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, texto
O Goyta segue sua pré-temporada visando à estreia no Campeonato Carioca, dia 22 de dezembro, contra o Nova Iguaçu, fora de casa.