Avaliação interna aponta Cano com mais opções em relação ao último ano

Que o Americano perdeu as principais peças ofensivas e foi ao mercado para repor seu ataque todo mundo sabe. A pergunta que os torcedores acabam fazendo é se quem chegou irá substituir Marquinhos, George, Cláudio Maradona e Maikon Aquino à altura. Josué Teixeira não respondeu essa pergunta, mas garantiu que o novo grupo é mais homogêneo do que o da temporada 2018.

- Não posso garantir que este elenco será melhor que o deste ano, mas posso garantir que teremos mais opções. Agora temos dois jogadores por posição. Na Série B1 jogamos com elenco reduzido e não tínhamos tanta reposição. Muitas vezes eu tinha que mexer no sistema para encaixar os jogadores e agora será diferente, pois teremos jogadores para suprir a ausência de um titular - afirmou o treinador, que falou um pouco do trabalho que vem fazendo nesta pré-temporada.

- A gente está em uma fase de processo de formação do time. Nas primeiras semanas, demos ênfase à parte física para que tenhamos uma equipe que consiga marcar com pressão, marcando alto e fazendo jogadas de velocidade e contra-ataque.

A estreia do Americano na Seletiva do Campeonato Carioca será dia 22 de dezembro, em casa, contra o America.

Fonte: FutRio

Comentários