Confusão gerada por torcida do Goyta termina em tiros no Laranjão

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé e atividades ao ar livre
O Campeonato Carioca de 2019 começou com cenas lamentáveis. Após a derrota por 2 a 1 para o Nova Iguaçu, fora de casa, a torcida do time visitante se desentendeu com o goleiro Paulo Henrique e foi tirar satisfações com o atleta no vestiário. A tentativa de invasão por parte dos torcedores terminou com confusão e tiros após o confronto realizado no Laranjão.

A segurança do estádio na Baixada Fluminense agiu de maneira rápida e conseguiu conter os protestos. As saídas da torcida e do time visitante ficam próximas e os torcedores tentaram invadir o vestiário para tirar satisfações com o camisa 1 do Goytacaz, que não teve culpa nos gols, mas se desentendeu com os presentes no confronto. 
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé e atividades ao ar livre
Ao todo foram pelo menos três disparos de armas de fogo. O presidente do Goytacaz, Dartagnan Fernandes, esteve no meio dos torcedores conversando e acalmando os que estavam mais nervosos. Com a ajuda da Polícia Militar, que chegou no durante o ocorrido, a confusão se acalmou.

Com bola rolando, o Goytacaz foi batido por 2 a 1. Lucas Campos e Edu fizeram os gols do time mandante, com Lucas, marcando contra, descontando para a equipe de Campos. Agora, o Goyta enfrenta o Americano, no clássico do dia 27 de dezembro no Aryzão, já com um clima mais quente. 
A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé e atividades ao ar livre
Fonte: FutRio e Equipe Craques da Bola

Comentários