Retrospectiva Fluminense: Gilberto é atrapalhado por lesão em bom ano

Gilberto e Lucas Silva - Cruzeiro x Fluminense
Considerado um dos destaques no Brasil em 2018, Gilberto viu sua temporada ser interrompida por um edema ósseo no joelho esquerdo no final de agosto e não voltou mais a entrar em campo. Ele foi um dos jogadores mais consistentes no Fluminense sob o comando de Abel Braga e Marcelo Oliveira, fez gols importantes e é uma das prioridades do clube para renovar neste momento.

O lateral-direito somou 34 jogos no ano e marcou seis gols, sendo o da vitória contra o Palmeiras e o que garantiu os três pontos contra o Vitória no Barradão. Foram mais duas assistências e 55 cruzamentos, além de 39 desarmes.

Ele se machucou no dia 25 de agosto, mesma partida que marcou a lesão do atacante Pedro e o tirou da temporada. Gilberto mostrou regularidade enquanto esteve em campo e fez valer o investimento tricolor.

Emprestado pela Fiorentina (ITA) até o fim do ano, Gilberto já manifestou o interesse em permanecer no Flu, mas chegou a receber propostas de outras equipes. A negociação, porém, é considera difícil por envolver os italianos. O empresário do jogador permanece em conversas para resolver o futuro. 

– Estamos conversando com Gilberto. Mas isso leva tempo. É um mundo especulativo, estratégico. Eventualmente você precisa entender e ter paciência. Não posso prometer o que não posso pagar. Não posso renovar na pressa, tem que ser na razão. Se não eu sou o primeiro a ser cobrado depois – disse o diretor de futebol do Flu, Paulo Angioni.

SOBE
Gilberto conquistou a confiança do Fluminense e sua torcida. Com boa técnica, ele chega bem ao ataque e ajudou o clube a ter vitórias importantes. Não atoa se tornou alguém relevante na lista de negociações para o 2019 do clube. O lateral tinha apenas dois gols na carreira e terminou o ano marcando seis, o que mostra seu desenvolvimento desde que deixou o Vasco para chegar às Laranjeiras. 

DESCE
A lesão atrapalhou o que poderia ter sido um ano ainda melhor para Gilberto e, de quebra, ainda ajudaria o Fluminense a sofrer menos no final da temporada. A expectativa inicial era de que o tempo de recuperação não fosse tão longo e ele jogaria, ao menos, os últimos jogos. No entanto, a recuperação foi complicada e, mesmo sem cirurgia, ele precisou ficar de fora

Comentários