Sousa assume incômodo por deixar jogo precocemente e celebra ponto fora

A estreia do Macaé foi positiva pelo ponto conquistado, mas gerou uma certa lamentação do atacante Sousa. O jogador deixou o gramado com menos de 30 minutos de jogo por conta de um corte profundo no supercílio - após lance envolvendo o volante Vitinho, do Resende -, sendo sacado de maneira precoce e levando sete pontos no local. O atleta não escondeu a lamentação, mas celebrou o resultado importante na abertura da Seletiva.

A equipe empatou em 1 a 1 com o Resende, no Sul Fluminense, e conseguiu fazer o planejado pelo técnico Luiz Antônio Zaluar: pontuar fora de casa. Sousa, que era uma das novidades na estreia, explicou a insatisfação com o fato de sair do jogo ainda na etapa inicial. Ele ainda alegou ter vistado certa maldade do adversário no lance.

- Eu fiquei chateado porque é estreia e você quer jogar. Infelizmente eu sofri uma entrada, eu acho, desleal. Mas passou. O ponto aqui foi importante, mas fiquei chateado pela substituição. Sabia que não teria condições de voltar. O corte foi profundo, fiquei triste por isso. Fiquei feliz pelo empate, nós conseguimos fazer um bom jogo. Agora é se preparar para a partida contra o Nova Iguaçu - analisou.

Na sequência da competição, o Macaé enfrenta o Nova Iguaçu, no primeiro dos três jogos que fará em casa. O adversário venceu na estreia e está liderando a competição. A projeção, naturalmente, é de dificuldade no confronto do próximo sábado (29).

- Seletiva não tem jogo fácil. O Nova Iguaçu é outro time que joga para subir, até pelo elenco montou. Sabemos que será um jogo difícil, mas todo jogo da Seletiva é jogo de seis pontos. Assim como eles não vão de uma maneira aberta nos enfrentar em Macaé, a gente espera fazer um jogo inteligente e sair com os três pontos. Precisamos pontuar sempre que pudermos.

A partida entre as equipes está marcada para o Moacyrzão, às 16h do próximo sábado, dia 29 de dezembro. 

Fonte: FutRio

Comentários