Terceira rodada da Seletiva pode começar a definir futuro dos clubes em 2019


A terceira rodada da fase seletiva do Campeonato Carioca acontece neste domingo (06/01), às 16h, e o Resende recebe o Goytacaz no Estádio do Trabalhador em busca de sua primeira vitória na competição. O Gigante do Vale soma dois pontos após empatar nas duas primeiras rodadas, com Macaé e América, ocupando a quarta posição na tabela, enquanto seu adversário vem logo atrás, em quinto, com um ponto conquistado.

O zagueiro Lucas Jacques, que atuou no clube entre 2012 e 2016, conquistando o bicampeonato da Copa Rio, em 2014 e 2015, e retornou nesta temporada, falou sobre o duelo e a necessidade da vitória.
“Sabemos que esse duelo contra o Goytacaz é fundamental para as nossas pretensões na competição. A gente vem de dois empates, um dentro e outro fora de casa, e jogaremos novamente no nosso estádio. Precisamos atuar com inteligência e colocar em prática o que o professor nos passou nos treinamentos. Se Deus quiser, faremos um grande jogo e conquistaremos uma vitória para buscarmos uma das vagas”, afirmou.

GOYTACAZ
O Goytacaz somou apenas um ponto na Seletiva até agora, mas conquistando uma vitória, a equipe volta para a luta pela classificação. E os outros resultados da segunda rodada foram bem recebidos no Alvianil da Rua do Gás. O atacante Michel disse que o empate entre America e Resende, e a vitória do Macaé, deu esperança ao Goyta.

- O empate entre o America e o Resende, e a vitória do Macaé sobre o Nova Iguaçu nos deixou na luta pela vaga. Nos favoreceu muito. Estamos tendo mais uma oportunidade para nos classificarmos. Mas agora é com a gente, temos que trabalhar para vencermos os três últimos e conquistarmos a vaga - disse o jogador.
Apesar de pensar em conquistar três vitórias, Michel ressaltou que o Goytacaz precisa se focar jogo a jogo e pediu muito empenho para vencer o Resende na próxima rodada.

- Estamos bem focados na competição. Sabemos que tivemos um resultado negativo na estreia contra o Nova Iguaçu e o empate no clássico. Mas só com trabalho e dedicação vamos conseguir as vitórias. Vamos focar pensando no Resende primeiramente, para depois irmos atrás das outras vitórias - frisou.

AMERICANO
Dos times da Seletiva, o Americano foi quem deu a maior folga para seus jogadores para as festividades do réveillon: três dias. Porém, prevendo muito desgaste por conta da maratona de jogos de três partidas em sete dias, nas rodadas finais da fase inicial, a comissão técnica já tinha esse planejamento em mente e a liderança fez com que ele fosse colocado em pratica. Junior Santos agradeceu muito a atitude do clube com os jogadores.

- Já era uma programação da comissão técnica dar esses três dias de folga. Sabíamos com antecedência da programação e foi feito um trabalho físico visando estas datas. Inclusive pensando para depois do dia 13 de janeiro. Isso é importante e não só pelo descanso, mas para estar com a família também. Isso conta muito, pois eles sempre nos apoiam. Creio que a importância dessa folga foi muito grande pra essa sequência de três jogos - disse o volante.
Pensando na maratona de jogos que vem pela frente, Junior Santos afirmou que o Americano precisa continuar buscando melhorar, com os jogadores se dedicando, para a equipe chegar à fase principal do Campeonato Carioca.

- Nós temos que buscar sempre melhorar. Tivemos dois jogos bons e de alta intensidade. Vamos continuar nos empenhando, nos dedicando e fazendo aquilo que o professor Josué nos orienta a fazer, para buscarmos essa classificação para fase principal - ressaltou.

NOVA IGUAÇU
Sair derrotado de um jogo na Seletiva, que é uma competição de tiro curto, sempre traz preocupação. Porém, apesar do revés contra o Macaé ter tirado o Nova Iguaçu do G-2, o foco da equipe segue o mesmo e sem alterar o planejamento do Laranja Iguaçuano. O goleiro Jefferson afirmou que nada vai mudar no que foi traçado pelo clube.

- Não esperávamos a derrota contra o Macaé, pois jogamos bem e foram raros os momentos em que sofremos pressão. Mas o revés não muda nada. Temos um planejamento para chegar à fase principal e esse planejamento será mantido, até porque sabíamos que todos os jogos seriam difíceis, seriam decisões. E contra o Americano será mais uma final - disse o goleiro.
Os dois gols que o Nova Iguaçu levou na Seletiva até agora saíram de bolas paradas. E os dois feitos pelo Americano foram de cabeça, um em bola parada e o outro do rebote do goleiro. Por isso, Jefferson pediu mais atenção nas jogadas aéreas.

- O que precisamos ter é um pouco mais de atenção nas bolas paradas, pois isso define os jogos. Não só os nossos, mas todas as partidas. Acredito que contra o Americano mais uma vez será uma arma importante. Precisamos ter atenção, pois a equipe deles é muito bem armada pelo Josué Teixeira, um dos grandes treinadores do futebol do Rio de Janeiro. Vamos jogar num estádio onde o gramado é pequeno e a torcida fica muito perto. Mas quando jogamos a segunda divisão, tivemos êxito lá - destacou.

MACAÉ
O Macaé conquistou a primeira vitória na Seletiva do Campeonato Carioca 2019 ao vencer o Nova Iguaçu por 2 a 1, no sábado (29), e entrou no G-2. O técnico da equipe Alvianil, Luis Antônio Zaluar, classificou o duelo contra a equipe da Baixada Fluminense como um divisor de águas e projetou o duelo da próxima rodada, contra o America:
- Era uma decisão, um divisor de águas para o Macaé no campeonato. Ou brigávamos lá em cima (da tabela) ou não. Graças a Deus conseguimos estar na briga lá em cima. Brigar lá em baixo é pior. Agora temos que ter muita concentração e não podemos deixar o ritmo cair. O jogo contra o Nova Iguaçu foi o mais importante até aqui. Mas agora, o mais importante será o próximo. A gente tem que pensar no America, pois ainda não chegamos em lugar algum. Vamos refletir e avaliar a melhor formação para tentar conseguir um bom resultado - disse o comandante.

AMERICA
A situação do America a partir de agora é vencer ou vencer. Com apenas um ponto na Seletiva, o clube rubro precisa conquistar três vitórias nos três jogos restantes para se classificar sem a necessidade de outros resultados. Mas qualquer tropeço pode ser fatal. Sabendo da desconfiança da torcida americana, Luisinho Lemos se manteve tranquilo e acredita que a primeira vitória sairá contra o Macaé.
- Espero um jogo difícil como todos. As duas equipes estão no mesmo objetivo, na mesma caminhada. Mas a partir de agora, temos que ganhar os nossos jogos e estou bastante tranquilo sobre isso. Eu sei que a torcida do America fica naquele pessimismo, pois já são alguns anos sofrendo. Mas somos bastante confiantes, acredito que o America possa se classificar - disse o treinador.

Após essa rodada, faltarão apenas duas para o final da fase seletiva, em que seis equipes disputam entre si duas vagas para a fase de grupos do Campeonato Carioca, que terá início em 20 de janeiro.

CAMPEONATO CARIOCA 2019

(SELETIVA - 3ª RODADA) 

Domingo, 6 de janeiro de 2019 
16h
Resende x Goytacaz - Trabalhador
Americano x Nova Iguaçu - Antônio F. Medeiros
America x Macaé Esporte - De Los Lários

CLASSIFICAÇÃO
Grupo A
1 Americano 4
2 Macaé 4
3 Nova Iguaçu 3
4 Resende 2
5 Goytacaz 1
6 America 1

Comentários