Americano foca na Copa do Brasil, onde enfrentará o Londrina na quinta-feira


Depois de somar quatro pontos apenas na Taça Guanabara, mas que lhe permitiu estar entre os 10 melhores — se a competição terminasse hoje, o time não estaria rebaixado à seletiva —, o Americano agora concentra suas forças e pensa na Copa do Brasil. O Alvinegro joga contra o Londrina, quinta-feira, às 18h30, em Bacaxá.

Depois de poupar alguns jogadores na partida de domingo, contra o Madureira pela Taça Guanabara, o técnico Josué Teixeira deve escalar mesmo a força máxima contra a equipe paranaense.

Mas Josué conta também com um reforço para o meio-campo, o apoiador Léozinho, de 30 anos, que chegou a Campos e nesta segunda-feira já foi reintegrado ao grupo. Com passagens por clubes de diversas regiões do país, o jogador chega ao após a terceira experiência no futebol internacional.

Depois de atuar no Boavista, de Portugal e no Daejeon Citizen, da Coreia do Sul, o atleta estava no futebol de El Salvador, onde jogou 13 partidas e marcou três gols. Além do futebol português, coreano e salvadorenho, Leozinho vestiu a camisa de clubes tradicionais no Brasil como: Coritiba, Icasa, Ceará, São Caetano, Chapecoense, Santa Cruz, Figueirense, Fortaleza e América-RN.

Léo ressaltou a tradição do Glorioso e a oportunidade de jogar no futebol do Rio.

— Eu escolhi o Americano por conta da história, além do desafio de disputar um Campeonato Carioca. A expectativa é a melhor possível, espero estar apto o quanto antes para poder contribuir com a equipe e conseguir os objetivos dentro das competições — disse.

Sobre a chegada do novo contratado, o técnico previu um bom entrosamento no setor ofensivo.

— Conheço bem o Leozinho. É um meia veloz, canhoto e habilidoso, que a gente estava precisando. Sabe segurar a bola lá na frente e pode fazer uma boa parceria com o Flamel — destacou.
Enquanto aguarda regularização, ainda não está garantida a participação de Leozinho contra o Londrina.

Fonte: Folha da Manhã

Comentários