Grupo de Apoio ao Emagrecimento promove caminhada em Rio das Ostras

Descrição da foto
O que não faltou foi alegria e disposição na caminhada desta quinta-feira, dia 31, promovida pelo Grupo de Apoio ao Emagrecimento – GAE de Rio das Ostras, que é uma das ações da Rede Municipal de Saúde. Cerca de 25 pessoas do Grupo participaram e após exercícios de alongamento, fizeram um percurso de aproximadamente dois quilômetros, saindo da Concha Acústica até a Praia da Tartaruga.

Para a moradora do Palmital, Jaciara Estarnek, de 41 anos, que frequenta o GAE há quase um mês, a caminhada foi bastante proveitosa e dinâmica. Ela chegou ao Grupo com 100 quilos e já perdeu três e disse ser um momento muito importante na sua vida.

“Cheguei ao GAE totalmente desanimada, com autoestima baixa, dores na coluna e precisando de ajuda profissional. Hoje vejo que não é uma luta só minha e que muitas pessoas necessitam desse estímulo. O Grupo me resgatou do momento difícil que estava enfrentando. Aqui todos se ajudam muito e para mim é o começo de uma grande vitória”, ressaltou.

A fisioterapeuta do Grupo de Apoio ao Emagrecimento, Cláudia Regina do Nascimento, destacou que o objetivo é incentivar a prática da atividade física, tão importante no processo de emagrecimento. Ela declarou que esta primeira caminhada do GAE foi um momento de muito orgulho para toda a equipe.

“Todas concluíram o percurso, cada uma no seu ritmo e vencendo seus limites. Também aproveitamos para fazer a divulgação do grupo com panfletos informativos e éramos abordadas pela população para saber mais sobre o trabalho que desenvolvemos. Foi muito gratificante ver a felicidade das participantes dizendo que o GAE faz diferença na vida delas”, concluiu Claúdia, informando ainda que a caminhada será realizada a cada dois meses.

ATENDIMENTO – Segundo a nutricionista do GAE, Daniele Alves de Souza, o Grupo tem atualmente com 25 pacientes ativos. O projeto é realizado no Centro de Saúde Nova Cidade, todas as quartas-feiras, de 13h às 17h, e as quintas-feiras, das 8h às 12h, e conta com uma equipe multidisciplinar de nutricionista, fisioterapeuta, psicóloga e apoio médico quando necessário.

A nutricionista explicou que muitas pessoas chegam à unidade com obesidade já em grau avançado e quando o caso é mais simples, encaminham para atendimento na Atenção Básica. “Tem pessoas que chegavam no Grupo e não conseguiam nem andar sozinhas. Fazemos um trabalho de reeducação alimentar e terapias em grupo, mas os pacientes também são atendidos individualmente com todos os profissionais. Além disso, promovemos desafios, exercícios físicos, auriculoterapia e outras atividades, como a caminhada que começamos a realizar agora, sendo um grande incentivo para a prática da atividade física, que é importante para uma melhor qualidade de vida”, finalizou.

Comentários