Bangu encara a Portuguesa, lanterna da classificação geral, nesta sexta-feira

Resultado de imagem para Bangu × Portuguesa
Toda confiança do Bangu depositada em Anderson Lessa para este ano vem surtindo efeito. Dos seis gols que o Alvirrubro fez no Campeonato Carioca, o atacante marcou a metade. Porém, ele não está satisfeito. No ano passado, na sua primeira passagem pelo clube, Lessa balançou as redes quatro vezes em dez partidas e quer superar seus números, além de não abrir mão de chegar à artilharia do Estadual. 

- Quero superar os números do ano passado. Atacante vive de gols e comigo não é diferente. No ano passado eu fiz quatro gols no Campeonato Carioca e esse ano fiz três até aqui e quero fazer muito mais. Voltei com o foco de brigar pela artilharia do Estadual. Ainda faltam alguns jogos e sigo com esse objetivo. Os gols saindo, vou estar ajudando o Bangu a conquistar os objetivos na competição - disse o jogador.

PORTUGUESA
Última colocada na classificação geral do Campeonato Carioca e sem vencer desde que a competição começou (oito jogos de jejum), a Portuguesa tem mais três duelos pela frente para mudar o panorama e evitar o rebaixamento para a Seletiva de 2020. Pensando nisso, é preciso reforçar o lado emocional. Os jogadores reconhecem que a mente tem sido afetada de maneira negativa.

- Até pela nossa situação na tabela, queira ou não, o psicológico ataca muito. Temos que nos dedicar ao máximo, com atenção redobrada, para poder chegarmos às vitórias - disse o zagueiro Emerson.

Formiga é outro a admitir que a parte emocional vem sendo uma das inimigas da Portuguesa. O lateral-direito ressalta o bom ambiente do elenco e diz não entender o porque da má campanha.

Na próxima rodada, o Bangu encara a Portuguesa, lanterna da classificação geral. A partida acontece em Moça Bonita, às 16h30 de sexta-feira (15).

Comentários