Conscientização ambiental, dança e muita animação no arrastão do Ragha no Farol

Estourado! O bordão do líder do Ragha, Alirio Menezes, definiu exatamente como foi o arrastão do grupo de dança  que estreou a passarela da folia no Carnaval Farol 2019. Este ano, os integrantes realizaram uma ação de conscientização ambiental e nos figurinos foram utilizados sacos de cebola e os colares feitos com 11 mil  tampinhas plásticas  de refrigerantes. Esta é a terceira edição do Arrastão que percorreu três quilômetros da Avenida Atlântica com muita música, dança e animação, neste sábado (2),segundo dia da Folia do Momo em Farol. 

Durante os meses de janeiro e fevereiro, a Prefeitura de Campos, através do Ragha colocou milhares de pessoas para dançar no Espaço para Todos, localizado na orla marítima. Para Alírio, o sucesso das oito edições do Ragha Beach foi um “esquenta” para o Arrastão. 
- São anos de luta com muito foco, determinação e trabalho. Esse ano, tivemos noção da solidariedade do campista.  Fizemos uma campanha nas redes sociais e, em poucos dias, recebemos a doação de 800 garrafas de água. As fantasias dos componentes são de sacos de cebola recolhidas no mercado Municipal. Além de diversão e entretenimento queremos levar conscientização ambiental  - afirmou o líder do Ragha. 

As amigas Danielly, Maria Clara e Maria Eduarda, todas de 14 anos, moram em Farol e, por esse motivo, não podem acompanhar os ensaios do Ragha que acontecem, semanalmente, em Goitacazes. Neste sábado, elas não perderam tempo: vestiram uma fantasia e foram swuingar com o Ragha. 
- Nos preparamos para o Carnaval e aqui estamos quebrando tudo – disseram as amigas.

Comentários