Josué Teixeira: "Arbitragem tem nos prejudicado"

O atacante Romário está fora do time do Americano no jogo deste sábado, em Moça Bonita, pela terceira rodada da Taça Rio. O atacante sofreu uma lesão na derrota para a Cabofriense, em Bacaxá, mas o técnico Josué Teixeira está mesmo preocupado com a arbitragem que tem prejudicado o Alvinegro em alguns jogos no Campeonato Estadual. Como no jogo em Bacaxá, onde o árbitro Lenilton Rodrigues Gomes Junior.

—Tomamos o primeiro gol de bobeira, no segundo também falhamos, mas no terceiro gol o árbitro errou, não houve pênalti. No quarto gol, houve lance de falta de ataque que ele não marcou, eles encaixaram o contra-ataque e sofremos o quarto gol. Que no sábado em Bangu não haja mais uma vez interferência externa — afirmou.

A propósito, às vésperas do jogo contra a Cabofriense, Josué já antecipava sua apreensão com a atuação de Lenilton Gomes, lembrando de atuações em que o arbitrou prejudicou o Macaé quando o treinador dirigia o alvianil praiano. “Nunca fui feliz trabalhando com ele no apito”.

Apesar das falhas em dois gols, Josué considera que o Americano não jogou mal em Bacaxá e lembrou outra falha que prejudicou o Alvinegro contra o Volta Redonda ainda pela Taça Guanabara.

— No geral, fizemos um bom jogo em Bacaxá, mas quem viu a partida sabe que fomos prejudicados pela arbitragem, como aconteceu contra o Volta Redonda quando tivemos um pênalti que não houve. Poderíamos estar em posição melhor na classificação, mas não estamos devido a um outro erro da arbitragem. É só rever o lance no vídeo para concluir que não houve a penalidade, o jogador do Volta Redonda se atirou no gramado sem que o nosso zagueiro tocasse nele — reclamou, em referência à marcação do pênalti inexistente no atacante Jorge Luiz pelo árbitro Luis Antônio Silva dos Santos.

— Desde o início do Campeonato sempre tivemos um objetivo claro, que é o de permanecer entre os 10 melhores na classificação. É claro que não estamos satisfeitos com os últimos resultados, e temos feito cobranças internas porque precisamos pontuar — concluiu o técnico.

O zagueiro Admilton afirmou que não é falta de empenho e espera que o Americano se reabilite no sábado diante da necessidade de somar pontos na classificação.

— Graças a Deus que os times que estão atrás da gente (Portuguesa e Madureira) estão perdendo, mas não adianta eles perderem e não fazermos a nossa parte. Precisamos pontuar — destacou o jogador.

Fonte: Folha da Manhã

Comentários