Cabofriense enfrenta o Bonsucesso querendo avançar na Copa Rio


A Cabofriense está confiante para a partida contra o Bonsucesso na sequência da Copa Rio. A atuação no jogo de ida, apesar do revés sofrido por 2 a 1, deu suporte para isso. Agora a equipe faz planos para sair vitoriosa no jogo de volta, para, consequentemente, conquistar a vaga nas oitavas de final do certame. A projeção para este confronto: mais posse de bola e participação do ataque, atuando em casa.

O time precisa de um resultado simples para levar a disputa para os pênaltis, já que não existe mais o gol qualificado na Copa Rio. O zagueiro Jean Carlos, com 20 anos, um dos mais velhos da equipe apensar da baixa idade, confia na classificação pela qualidade do setor ofensivo do time.

- Acho que a gente tem que trabalhar um pouco mais a bola, rodar mais a bola e achar as bolas nos atacantes. Eles têm muita qualidade, nós somos felizes nesta questão. Acho que é isso. Treinar finalizações, bola parada, para conseguir fazer um gol em casa e sair com a vaga - afirmou o defensor.

No jogo de ida, a proposta foi contrária. Ainda buscando uma afirmação e temendo uma insegurança natural, entre jogadores que estavam, em parte, fazendo a sua estreia  na equipe principal do clube. O jogador explicou parte desse planejamento.

- A gente foi com uma promessa de defender no primeiro tempo, pegar o jogo deles e ver o que eles iriam propor. A gente começou defendendo mais, a partir dos 20 minutos atacamos mais, empatamos o jogo até o final do segundo tempo, tomamos um gol ali infelizmente. É trabalhar durante a semana, na quarta-feira que vem buscar a vitória e sair com a classificação - disse.

A partida entre os clubes começa às 15h da próxima quarta-feira, dia 10 de julho, no Correão. 

Comentários