Em Moça Bonita, Bonsucesso e Campos ficam no empate: 1 a 1


O Bonsucesso recebeu o Campos, em Moça Bonita, na tarde deste sábado (13), e pausou a sequência de vitórias na Série B1. O time do Norte do Fluminense saiu na frente com Bruninho, mas Yago Ramos saiu do banco de reservas e colocou números finais na partida: 1 a 1. Com este resultado, o Cesso se manteve na ponta do Grupo B. Já o Roxinho, é o vice-líder. 

Na sequência da Segundona, o Bonsucesso visita o Duque de Caxias, no próximo sábado (20), no Marrentão, às 15h. Porém, antes, o Leão da Leopoldina enfrenta o Maricá, pelas quartas de final da Copa Rio. A partida acontece na quarta-feira (17), às 15h, no Alzirão. Já o Campos, encerra o primeiro turno diante do Friburguense, no sábado (20), também às 15h, no Ferreirão.

Primeiro tempo começa disputado e Roxinho sobressai após parada técnica
Brigando por projeções diferentes, Bonsucesso e Campos protagonizaram uma primeira etapa disputada, marcada pelo crescimento do time visitante no segundo quarto. Enquanto o Campos buscava as principais investidas, o Cesso lutava pela compactação e uma brecha para infiltrar na defesa roxa. Porém, a pouca eficácia falou mais alto e o placar seguiu inalterado.

Após a parada técnica, a supremacia adversária ficou evidente. Com mais ímpeto, o time do Norte Fluminense obteve as principais oportunidades de gol. Próximo dos 30 minutos, o Roxinho obteve sua chance de ouro. Porém, Franklin ao chegou a tempo de colocar para a rede. Apesar da maior vontade, os visitantes pecaram na hora da finalização, fato que determinou a igualdade no placar.

Campos inaugura o placar, Sacramento mexe corretamente e Yago Ramos deixa tudo igual
O Campos voltou do intervalo decidido a confirmar o maior volume no ataque. E não deu outra. Aos sete minutos, Bruninho  surgiu como opção no ataque e não desperdiçou frente ao arqueiro Caio: 1 a 0. Apesar do golpe, os mandantes não se abateram e foram em busca do gol de empate. Mas o forte sistema defensivo da equipe campista impediu que este fato fosse concretizado. 

O cenário da partida não poderia ser outro: Bonsucesso pressionando e o Campos respondendo nos contra-ataques. Partindo para o tudo ou nada, o time da Leopoldina chegou ao tento igualitário. Porém, os méritos foram para Emanoel Sacramento, que fez as alterações necessárias para a mudança de postura da equipe. 

Aos 32 minutos, em jogada individual, Yago Ramos fugiu da marcação e arrematou de forma precisa, sem chances para Patrick: 1 a 1. Buscando manter os 100% de aproveitamento, o Cesso montou a blitz e seguiu com a pressão até o minuto final. Porém, nada que fosse suficiente para evitar o tropeço em casa.

Bonsucesso 1x1 Campos - Campeonato Carioca Série B1, Taça Santos Dumont, 8ª rodada - 13/07/2019 às 15h

Estádio de Moça Bonita (Rio de Janeiro - RJ)
Árbitro: Leonardo Garcia Cavalheiro 
Assistentes: Gustavo Motta Correia e Thiago Varela dos Santos 

Bonsucesso: Caio; Belarmino (Giovani, 15’/12º), Wallace, Emerson e Ricardo Sena; Filipe Silva, Kelvin, Maycon (Yago Ramos, 25’/2ºT) e Denilson; Daniel Marins (Accioli, 30’/2ºT) Jackson. Técnico: Emanoel Sacramento.

Campos: Patrick; Jairo, Cleiton, Thurran e Vandinho; Espinho, Sanderson, Marco (Estarlone, 20’/2ºT) e Bruninho (Jonathan 35’/2ºT); Franklin e Felipe Zuca. Técnico: Gecildo Souza. 

Cartões amarelos: Daniel Marins e Wallace (BON); Vandinho e Espinho (CAA).

Gols: Bruninho, 7’/2ºT (0-1); Yago Ramos, 32’/2ºT (1-1)

Comentários