Paulinho não quer ouvir falar de favoritismo do Goytacaz na reta final

Após derrotar o America e se manter dentro do G-2 do Grupo A da Taça Santos Dumont, o Goytacaz vai encarar nas últimas rodadas da fase de grupos Artsul e Nova Cidade, duas equipes que não tem mais chances de classificação e mostram muitas oscilações durante a competição. Porém, Paulinho não quer ouvir falar em favoritismo e projetou dois jogos bem complicados.

- Nessa competição não tem nenhum jogo fácil, todos os jogos são difíceis e vamos encarar essas duas últimas partidas como uma final. Não tem favoritismo. Vamos nos concentrar para fazer excelentes partidas e para conseguirmos a classificação. Sabemos do potencial da nossa equipe, conversamos o que precisa melhorar e sabemos que estamos fortes e continuaremos trabalhando para melhorar sempre - afirmou o lateral-direito.

Paulinho ainda falou da importante vitória sobre o America e, para ele, o que foi fundamental para conquistar os três pontos foi se impor dentro de casa, no retorno do Alvianil da Rua do Gás ao Estádio Ary de Oliveira e Souza.

- Graças a Deus conseguimos uma vitória muito importante que nos colocou com o mesmo número de pontos do America. Foi um jogo muito difícil, mas conseguimos nos impor dentro de casa e conseguimos esses três pontos valiosíssimos - ressaltou.

No próximo sábado (13), às 15h, o Goytacaz encara o Artsul no Estádio Nivaldo Pereira. A partida pode valer a classificação para o Alvianil da Rua do Gás, caso vença o seu jogo e o Gonçalense perca a sua partida.

Fonte: FutRio

Comentários