Semana do Capoeirista integra programação da festa do Padroeiro

 (Foto: Luis Macapá)
Cerca de 20 associações de capoeirista de Campos vão participar da III Semana do Capoeirista que começará no Dia do Capoeirista, 3 de agosto, na Praça do Santíssimo Salvador. A abertura contará com aulão, às 16h, e segundo Cristiano de Oliveira, um dos organizadores, a expectativa é reunir cerca de 200 atletas de 20 associações. No domingo (4) haverá homenagem aos profissionais e no dia 6, dia do padroeiro da cidade, será encerrada a programação.

“O objetivo do evento é unificar a categoria e despertar o interesse da população, mantendo viva a tradição que chegou ao Brasil, com os escravos”, destacou o professor Keffren Vieira. No dia seguinte, haverá uma homenagem aos profissionais do esporte, a partir das 9h, no Museu de Campos.

No dia do padroeiro São Salvador, às 13h30, tem Roda Capoeira na praça central. De acordo com o Mestre Touro, cerca de 2 mil pessoas jogam capoeira na cidade, reunindo desde a criança até o idoso. “ A Fundação Municipal de Esporte atualmente oferece o esporte em sete polos. Eu mesmo dou aula no CEDE do Jardim Carioca e Casa do Futsal”, disse o Mestre Touro.     

- A capoeira faz parte da história cultural do povo brasileiro e em Campos a modalidade é muito forte e ficamos felizes em poder apoiar um evento que conta parte da história da população. Atualmente a Fundação Municipal de Esporte, atende a mais de 500 alunos na modalidade em sete polos. A força cultural que ultrapassa o esporte. Apoiar o evento é preservar a história e incentivar à prática esportiva que atende crianças, jovens, adultos e idosos”, destacou o presidente da FME, Raphael Thuin.

História - O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), órgão vinculado à Secretaria Especial da Cultura, reconheceu a capoeira como patrimônio cultural imaterial brasileiro. A escolha do dia 3 de agosto, para celebrar o Dia do Capoeirista, é fruto da lei no 4.649 de 1985, pelo governo do Estado de São Paulo. No entanto, no país, ainda não existe uma lei nacional.

Comentários