Itaperuna aposta nos reforços internos para ganhar corpo na Série C

Resultado de imagem para itaperuna esporte clube 2019
O Itaperuna está confiante para a sequência da Série C do Campeonato Carioca. O time aposta nos reforços internos para ter êxito e chegar à fase principal da Quartona do Estadual. A equipe do Norte-Fluminense aguarda a regularização dos atletas para o técnico Lobão ter à disposição mais peças para montar a equipe nesta fase preliminar do Estadual.

No primeiro confronto do time - dentro de campo - na competição, derrota para o Arturzinho por 2 a 0. Anteriormente, por um WO, o time folgou na primeira rodada e ganhou os pontos do Heliópolis. O técnico Lobão está confiante que terá novas opções para o futuro.

- Falando em questões estratégicas é o seguinte: a gente não tinha à disposição todos os jogadores do elenco. Isso limita o técnico na hora de fazer uma escalação de jogo, porque não temos todas aquelas peças já em condição física, técnica e de liberação no BIRA. Mas acredito que no decorrer da semana, vamos organizar essas funções - afirmou.

A torcida é que já para este confronto com o Paraíba do Sul, nesta quarta-feira (14), ele possa ter mais jogadores para formar o time. Ainda analisando o jogo contra o Arturzinho, ele viu uma dificuldade da equipe em se encaixar taticamente contra o adversário.

- Tenho que elogiar a equipe do Arturzinho, que foi bem montada e acabaram ganhando o meio campo. Eu tive uma dificuldade em relação a fazer acertos de posicionamento, mas nós lutamos bastante. Não tem nada perdido, é início de campeonato, então a gente tem que fazer as correções, adaptações - afirmou, para completar em seguida.

- O que vimos foi um jogo bastante competitivo, muito brigado. Por um detalhe ou outro o Arturzinho saiu vencedor. O Itaperuna teve algumas possibilidades, mas não conseguiu reverter. Vamos conseguir corrigir isso e ir em busca da classificação - encerrou.

O Itaperuna volta a campo agora nesta quarta-feira, dia 14 de agosto, às 15h, para pegar o Paraíba do Sul, no Jair Siqueira Bittencourt. 

Comentários