Mesmo sem salários em dia, Goytacaz treina normalmente

A campanha de arrecadação de recursos da torcida do Goytacaz sensibilizou o time, que entrou em campo na última quarta-feira e venceu o Tigres do Brasil, por 3 a 1, no Aryzão, chegando à vice-liderança do Campeonato Estadual da Série B1. No entanto, a diminuição dos problemas financeiros do elenco está longe de uma solução. Logo após o jogo, o volante Jefinho e outros jogadores expressaram sua insatisfação através das redes sociais em relação dos salários atrasados do elenco.

— Estamos aqui para agradecer vocês, torcedores, pela ajuda neste momento difícil e afirmar que entramos em campo por vocês, mas a situação continua a mesma. Continuamos com salários atrasados, mas estamos na luta. Continuamos com vocês, não parem de nos ajudar porque, tenho certeza, se vocês continuarem a nos apoiar e se a diretoria nos ajudar, vamos subir com o Goytacaz — afirmou Jefinho.

Diante da situação paliativa, o goleiro Adilson também já havia se manifestado também pelas redes sociais.

— Jogamos por respeito à camisa e a vocês, torcedores. Os jogadores exigem respeito, palavra, dignidade e salários — postou.

O técnico João Carlos também lamentou a situação devido ao atraso dos salários e fez referência ainda à ausência da torcida em jogos no Aryzão.

— Eu não vi ainda a torcida do Goytacaz. Ela está me devendo porque já joguei contra, estive do outro lado e sei quanto é difícil jogar aqui com a presença dessa torcida. O torcedor precisa estar presente, ser o 12º jogador, fazer do Aryzão um caldeirão para que o adversário sinta a pressão — disse.

Nessa quinta-feira (12), os jogadores que não atuaram fizeram atividades na piscina da AABB, enquanto os que entraram quarta-feira no segundo tempo fizeram um trabalho com o técnico na Rua do Gás.

Com o resultado de quarta-feira, o Goytacaz ficou na terceira colocação do Grupo A, com 14 pontos. Já na classificação geral, a equipe ultrapassou o Bonsucesso, chegou aos 31 pontos, e ocupa a segunda posição. O Tigres do Brasil está rebaixamento à Série B2. A Fera é lanterna tanto no Grupo B, quando na classificação geral, onde soma apenas nove pontos.

Enquanto isso, torcedores mantém a campanha para levantar mais recursos. O time viaja para enfrentar o Bonsucesso, em Bacaxá, neste sábado. O próximo jogo, no Aryzão, será na próxima quarta-feira, contra o Friburguense.

Fonte: Folha da Manhã
Foto: Isaías Fernandes

Comentários