Macaé Basquete Sobre Rodas faz campanha para doações

Guerreiros dentro e fora das quadras. Assim tem sido a trajetória dos atletas do Macaé Basquete Sobre Rodas, um dos projetos mais importantes da Associação Macaé de Basquete. Mais do que os adversários e as limitações físicas, eles precisam enfrentar o seu maior obstáculo na vida: a falta de recursos.

O time, que muitas vezes proporcionou alegria aos seus torcedores, espera contar com o apoio de empresários e da sociedade macaense para conseguir disputar a 3ª Divisão do Campeonato Brasileiro, que acontecerá em Belém (PA), entre os dias 21 e 26 de outubro.

O time está com dificuldade para comprar as suas passagens para a capital paraense, além dos gastos com alimentação e hospedagem. Devido a distância, de 3.302,5Km, por questão de conforto e para evitar desgastes com os atletas, o ideal seria viajar de avião, já que por terra isso levaria, em média, 45 horas ou mais.

Do total de 10 passagens para serem compradas, faltam ainda três. As outras sete já foram adquiridas. “Pedimos ajuda a todos, para que essa compra de passagens possa ser realizada. Toda ajuda é muito bem-vinda”, diz a equipe do Basquete Sobre Rodas.

Além de disputar competições regionais, estaduais e nacional de alto rendimento levando o nome da cidade para todo o país, os atletas usam o esporte como ferramenta de educação através de palestras e visita às escolas, além de eventos onde levam a importância da acessibilidade e da inclusão social a população.

Para ajudar, basta ligar para a associação no número: (22) 2772-1769 ou enviar um e-mail para: contato@macaebasquete.com.br. As passagens podem ser compradas através de milhas, cartão de crédito ou débito. Caso nenhuma dessas opções se validem para você, as contribuições podem ser feitas através de doações na quantia que puder.

Sobre o projeto
Um dos projetos mais importantes do Macaé Basquete, o Basquete sobre Rodas é a maior prova de que o esporte tem o poder de transformação e inclusão social. Além dele, a Associação Macaé de Basquete (AMB) também conta com duas outras iniciativas: o Basquete na Praça, que oferece aulas gratuitas para crianças e adolescentes em cinco polos da cidade (Parque Aeroporto, Lagomar, Morro de São Jorge, Visconde de Araújo e Frade) e as categorias de base.

Para manter vivos esses três projetos, além do time profissional, a AMB busca apoio e patrocínio. Uma maneira de ajudar é através da Lei de Incentivo ao Esporte. O passo a passo de como ser um colaborador está disponível no: www.macaebasquete.com.br/leidoincentivo. Mais informações também podem ser obtidas e-mail: comercial@macaebasquete.com.br ou através do telefone: (22) 2772-1769.

Comentários