Assistidos da FMIJ recebem visita de atletas do Alligators

Com a proposta de ampliar as oportunidades oferecidas aos assistidos, o programa Esporte Cidadão, da Fundação Municipal da Infância e da Juventude (FMIJ), apresentou o futebol americano às crianças e adolescentes na última semana. Praticada em Campos há pelo menos seis anos, a modalidade, ainda pouco prestigiada entre os campistas, conquistou os jovens, que tiveram a oportunidade de experimentar os equipamentos de proteção exigidos na prática do esporte, aprender técnicas simples com atletas da equipe Alligators e ainda foram convidados a treinar com o elenco, que utiliza o campo da Fundação Municipal de Esportes (FME).

Desmistificando um dos principais rótulos do futebol americano, o atleta Anderson Lucas de Souza explicou que, ao contrário do que a maioria das pessoas pensa, o esporte não é violento.

— Usamos equipamentos de proteção para a cabeça e peitoral. Mesmo que não pareça, o futebol americano é mais democrático e menos violento que o futebol tradicional, a grande paixão do brasileiro. Será um prazer tê-los treinando conosco — convidou o atleta.

Além de campistas, jovens de municípios próximos, como São João da Barra e Bom Jesus do Itabapoana, também integram o Alligators. Os treinos acontecem todos os domingos, com revezamento entre a sede da FME e um espaço no município de São João da Barra.

O diretor de Serviços e Programas, Paulo Roberto Gomes, ressaltou que o Esporte Cidadão utiliza o esporte como ferramenta de socialização, de integração, de disciplina e prática de grupo.

— Assim como as demais modalidades, o futebol americano traz consigo todos esses elementos que nos propomos a trabalhar com nossos assistidos. Agradecemos aos atletas por terem aberto as portas para os nossos jovens, e estamos dispostos a ajudar a difundir o futebol americano em Campos — comentou. 

Comentários