Final do Estadual de vôlei, entre Sesc e Campos/FME, será transmitido pelo SporTV


Depois de passarem pelas semifinais, por Botafogo e Flamengo, as equipes do Campos Vôlei/FME e SESC, irão se enfrentar na grande decisão do Campeonato Estadual de vôlei. A final será nesta terça-feira (05/11), às 19h, no ginásio do Tijuca Tênis Clube, no Rio de Janeiro. O jogo que vale o título estadual da modalidade, será transmitido pelo canal fechado de esportes SporTV.

ENTENDA
Na última quarta-feira (30/10) o Botafogo enviou um documento à Federação de Vôlei do Rio de Janeiro anunciando a desistência do Campeonato Estadual. Em meio a uma grave crise financeira, o Alvinegro seria o adversário do Campos Vôlei/FME na semifinal da competição. A partida estava marcada para General Severiano, no Rio de Janeiro. O Campos que já havia feito mais pontos na primeira fase contra o Flamengo, venceu por WO e avançou a decisão.
 (Foto: Rodrigo Silveira/Arquivo)
O coordenador do Campos Vôlei/FME, Anibal Wagner, informou que, por causa da repercussão ruim no meio esportivo, a Federação convocou uma reunião com os clubes e definiu o que a desitência do Botafogo, fez a equipe do Norte Fluminense se classifica automaticamente para a final, diante do Sesc/Rio.

O Campos eliminou o Flamengo na primeira fase, mesmo perdendo o segundo jogo por 3 sets a 2, no ginásio do Instituto Federal Fluminense (IFF), depois de ter vencido a primeira partida do Rubro-Negro por 3 sets a 0, no Rio de Janeiro.
Na outra perna da disputa, o Sesc/Rio derrotou o Flamengo na semifinal por 3 sets a 0. 

O coordenador de Vôlei da Fundação Municipal de Esportes e professor, Aníbal Wagner, destaca que a equipe está preparada para o desafio da final contra o Sesc que tem no time campeões olímpicos. 


— Esperamos realizar um jogo digno de uma final de Campeonato Estadual, que será transmitido para o Brasil todo pela Sport Tv. Sabemos das nossas limitações onde a diferença orçamentária e estrutural das duas equipes são bem distantes, mas vamos representar nossa cidade da melhor forma possível. Teremos o reforço do oposto José Henrique Ferrari, o retorno do Vinicius e de toda a equipe — concluiu o coordenador de Vôlei da Fundação Municipal de Esportes. A FME tem como presidente Raphael Thuin.

Comentários