Fla vence Bahia de virada e fica a três vitórias de título brasileiro

Foto: Alexandre Vidal/CRF
O Flamengo sofreu, mas bateu o Bahia de virada por 3 a 1 neste domingo, no Maracanã, e deu importante passo rumo ao título do Campeonato Brasileiro. Agora, faltam apenas três vitórias para ele não ser mais alcançado pelo Palmeiras e ficar com a taça. O time ampliou a diferença para dez pontos. Willian Arão, contra, abriu o placar, mas Reinier, Bruno Henrique e Gabigol decretaram o triunfo.

O resultado é perfeito para o Flamengo que se isolou ainda mais na liderança do Brasileiro e já passa a fazer contas para garantir matematicamente o título após o Palmeiras empatar com o Corinthians. O Rubro-negro volta a campo no domingo, quando encara o Grêmio, em Porto Alegre.

O Bahia, por sua vez, se complica na briga por uma vaga na Libertadores. O time está com 43 pontos, seis a menos que o Internacional, em 7º. O Tricolor volta a campo no domingo, quando receberá o Palmeiras, em Salvador.

O melhor: Gabigol
Artilheiro do Campeonato Brasileiro, Gabigol foi o grande destaque do time. Ele deu duas assistências e ainda conseguiu deixar sua marca no fim do duelo.

O pior: Vitinho
Atacante não teve boa atuação no primeiro tempo e viu time ser derrotado parcialmente. Deu lugar a Reinier e o Flamengo virou para 3 a 1.

Fla pressiona, mas sofre para criar chances de gol
O Flamengo precisou de poucos minutos para manter sua forma de jogar no Campeonato Brasileiro. O problema é que, aos poucos, a defesa dos times adversários estão aprendendo a marcar. O Rubro-negro até tentou, mas esteve longe de ser aquele rolo compressor de outras vezes. Contra o Bahia, cercou o rival, mas não conseguiu criar chances claras de gol.

Bahia joga pelo contra-ataque, mas não oferece perigo
O Bahia passou grande parte do primeiro tempo apenas se defendendo. A proposta de Roger Machado, evidentemente, não era apenas essa, mas buscar também o contra-ataque. O problema é que o Flamengo estava ciente da situação e não permitia: sempre que perdia a bola tratava de parar o lance ou recuperar a bola.

Fla faz rodízio de atletas para tentar surpreender
Empacado, o Flamengo tentou de tudo para passar a oferecer perigo ao Bahia. Vitinho e Everton Ribeiro trocaram de lado. Bruno Henrique tentou se aproximar de Gabigol. Nada disso, no entanto, deu resultado na prática. O Rubro-negro não conseguia furar a retranca do Tricolor.

Em 1ª saída, Bahia abre placar
O Bahia não conseguia encaixar sua transição ao roubar a bola do Flamengo. Isso mudou no fim do primeiro tempo, quando os donos da casa não conseguiram matar a jogada. Nino cruzou para Elber cabecear em cima de Diego Alves. No rebote, o próprio atacante bateu pro gol e viu Arão colocar para dentro ao tentar afastar: 1 a 0.

Reinier entra e empata para o Fla
O Flamengo decidiu mudar no intervalo. Mal no jogo, Vitinho foi substituído por Reinier. O jovem que acabou de renovar seu contrato com o Flamengo precisou de poucos toques na bola para buscar o empate. Gabigol cruzou na medida para ele cabecear e deslocar Douglas: 1 a 1.

Bahia leva perigo nos contra-ataques
Mesmo com o Flamengo com nova postura, muito mais agressivo, o Bahia seguia apostando nos contra-ataques. A diferença que as jogadas passaram a levar perigo ao gol de Diego Alves. Jogo aberto e com resultado indefinido.

Reinier perde gol feito
Muito bem no jogo, Reinier mudou a cara do Flamengo. Chegando bem na grande área, ele passou a ser mais uma real opção ofensiva. Após marcar o primeiro gol, ele teve a chance de assinar o segundo. Ele recebeu toque de Bruno Henrique e driblou Douglas ao dominar. Na hora de estufar as redes, mandou para fora.

Bruno Henrique marca após nova assistência de Gabigol
A dupla voltou a funcionar. Gabigol já havia dado assistência para Reinier no primeiro gol, voltou a ser decisivo. O camisa 9 recebeu passe de Everton Ribeiro e mandou na medida para Bruno Henrique completar para as redes. O Rubro-negro chegou ao 2 a 1 após mudar de postura no intervalo.

Gabigol define vitória do "campeão"
O Flamengo definiu a vitória com gol do melhor jogador em campo. Gabigol, após dar duas assistências, deixou sua marca. Ele aproveitou rebote em cobrança de falta de Arão e estufou as redes. Na comemoração, a torcida gritou pela primeira vez: "É campeão"!

FICHA TÉCNICA:
FLAMENGO 3 x 1 BAHIA
Data e hora: 10/11/2019, às 18h (horário de Brasília)
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Caio Max Augusto Vieira (RN)
Auxiliares: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Jean Marcio dos Santos (RN)
VAR: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Cartões amarelo: Piris (FLA)
Gols: Willian Arão (contra), aos 38min do primeiro tempo; Reinier, aos 8min, Bruno Henrique, aos 26min, Gabigol, aos 42min do segundo tempo

FLAMENGO: Diego Alves, Rodinei, Rodrigo Caio, Marí e Filipe Luís; Arão, Gerson (Piris), Everton Ribeiro e Vitinho (Reinier); Bruno Henrique (Diego)e Gabigol. Técnico: João de Deus

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Juninho e Moisés; Flávio, Gregore e João Pedro (Guerra); Artur, Élber e Gilberto (Arthur Caíke). Técnico: Roger Machado

Comentários