Pular para o conteúdo principal

Anúncios

Estreia de Luciano Quadros no comando da Cabofriense será às 16h deste sábado contra o Madureira.


O técnico Luciano Quadros está de volta à Cabofriense. O comandante assume a equipe depois da saída de Alfredo Sampaio do clube, após duas derrotas em dois jogos da Taça Guanabara. O novo treinador já comandou o time na atividade desta sexta-feira (24) e estará no banco de reservas neste final de semana na partida contra o Madureira, no Correão.

Luciano Quadros já tinha passado no clube na mesma Taça Guanabara, só que na temporada passada. O treinador estava no Potiguar (RN), ficando pouco tempo na equipe. Pela Cabofriense no ano passado foram cinco jogos disputados - todo o primeiro turno -. O aproveitamento foi baixo: uma vitória, um empate e três derrotas. A saída aconteceu após a goleada por 4 a 0 para o Flamengo no Maracanã.

O comandante subiu de posto no último ano, quando conduziu o Bonsucesso ao título inédito da Copa Rio e fez uma campanha história com o time na Segundona do Estadual, mas que terminou em insucesso. O time perdeu o acesso para o America, nos jogos decisivos, e ficou mais uma vez na Série B1 do Estadual do Rio de Janeiro.

Nesta temporada passada, viveu um período de controvérsia, quando saiu do Cesso invicto, atraído por uma proposta mais atraente financeiramente do Sampaio Corrêa. Semanas depois retornou ao time da Leopoldina, que superou o time de Saquarema no valor do salário ao profissional.

A estreia de Luciano Quadros no comando da Cabofriense será às 16h deste sábado, dia 25 de janeiro, no Correão, contra o Madureira. 

MADUREIRA
Se em todo o Campeonato Carioca o Madureira empolgar como fez nas duas primeiras partidas a sua torcida vai sorrir muito nos próximos meses. O Tricolor Suburbano vem apresentando um grande futebol e já somou duas vitórias. O quarteto ofensivo formado por Luciano, Wander, Ygor Catatau e Emerson Carioca começou a treinar há algumas semanas, mas parece que já jogam juntos tem anos. Por isso Emerson Carioca destacou a importância dos treinamentos, mas elogiou o restante da equipe também.  

- Agradeço muito a Deus pela oportunidade no Madureira e de poder estar me dando bem com meus companheiros de ataque, o Ygor Catatau, Wander, Luciano, Luan, Paulo Rangel... Mas não é só o ataque, a equipe toda está de parabéns. O professor Toninho vem nos passando confiança para estarmos tranquilos na hora da classificação - disse o atacante.


Após dois jogos em casa, com 100% de aproveitamento, Emerson Carioca já vislumbrou o duelo contra a Cabofriense, primeiro do Madureira fora de casa no Campeonato Carioca, e ressaltou a importância do Tricolor Suburbano também somar pontos longe de seus domínios.

- Nossa pré-temporada foi curta, mas muita intensa. Para almejarmos alguma coisa temos que estar fisicamente e graças a Deus estamos. Agora temos que pensar na Cabofriense, um adversário dificílimo fora de casa, onde também precisamos pontuar e se quisermos conseguir a classificação, pois ainda não tem nada ganho - destacou.

Comentários