Pular para o conteúdo principal

Anúncios

Gol perdido faz falta no fim e Cabofriense inicia estadual com derrota

A Cabofriense poderia ter começado o Campeonato Carioca com um resultado melhor, mas a imprecisão em um lance específico determinou a má sorte do time no confronto com o Fluminense. O time foi batido por 1 a 0 e lamentou o gol desperdiçado por Max, já sem goleiro.

A jogada em questão aconteceu na etapa complementar. Em um passe em profundidade, o jogador saiu frente a frente com o goleiro Marcos Felipe, do Fluminense. Ele passou com facilidade do arqueiro rival, mas quando foi finalizar Luccas Claro salvou em cima da linha.

O castigo aconteceu minutos depois, com Nenê. O veterano do Fluminense, recebeu passe na área e teve a precisão que o atleta da Cabofriense não demonstrou. Com um toque por cima de George, fez o gol solitário do confronto. 

A situação gera aprendizados para a equipe de Alfredo Sampaio, que até teve uma apresentação coletiva consistente. O time neste ano terá um calendário mais cheio, já que tem a disputa da Série D do Brasileirão pela frente - vaga essa conquistada pelo Estadual do ano passado. 

A equipe agora enfrenta o Volta Redonda, em casa, na quarta-feira, dia 22 de janeiro, as 16h. 

Fonte: FutRio

Comentários