Pular para o conteúdo principal

Anúncios

Limite é o campeão do Cinquentão, Campeonato de Verão de Futebol Master

Competição que atraiu grande público em São João da Barra nos meses de janeiro e fevereiro, o Campeonato de Verão de Futebol Master (Cinquentão) chegou ao fim na noite desta sexta-feira com o Limite levantando a taça de campeão ao vencer o Barcelos por 4 a 3 na decisão por pênaltis, após goleiro Joelson Mamão defender a última cobrança. No tempo normal o placar foi 1 a 1.

Os gols da partida foram marcados no segundo tempo. Jânio fez para o Limite, ao 25 minutos, e Ricardo Cardoso empatou aos 37 para o Barcelos. Quem compareceu ao Estádio Municipal Manoel José Viana de Sá testemunhou um belo espetáculo do ponto de vista técnico e a festa dos vencedores ainda no gramado.
– O Campeonato Master, pioneiro em nosso município, foi sucesso dentro da nossa programação de verão. Para os atletas acima de 50 anos, foi uma oportunidade de novamente participar de uma competição de alto padrão e com a presença de um grande público, que por sua vez pôde ver em campo jogadores que marcaram época em São João da Barra e na região. Parabenizamos aos campeões e a todos os envolvidos nesse grande evento – disse o coordenador de Esportes, Rondinelli Sena, que participou da entrega de troféus.

Além de troféus, foi ofertado pela Secretaria Municipal de Turismo, Esporte e Lazer aos vencedores valor em dinheiro, totalizando R$ 3.000,00, sendo R$ 2.000,00 para o campeão colocado e R$ 1.000,00 para o vice-campeão. Também receberam troféus o artilheiro da competição, Garrincha, do Barcelos, com três gols, o melhor goleiro, Sandro, também do Barcelos, e o melhor jogador da final, Joelson Mamão, goleiro do Limite. 
"Quero agradecer à Prefeitura de São João da Barra em nome do Limite. Foi um campeonato muito bem organizado e que a gente fica feliz em participar. Espero que, a cada ano, fique ainda melhor", finalizou o jogador Afrânio, um dos principais nomes do time campeão.

Caminho até o título -- A trajetória do Limite até o título foi marcada por um tropeço, ao perder para o próprio Barcelos na estreia da competição por 2 a 0 e, posteriormente, uma sequência de duas de vitórias, começando pelos 3 a 0 sobre o Riachuelo ainda na primeira fase, e 1 a 0 na semifinal contra o Operário, e o empate seguido do triunfo final nas penalidades nesta sexta-feira.
A competição reuniu, no total, seis equipes, que foram divididas nos grupos A e B. Limite se classificou como o segundo colocado do grupo A, que teve o vice-campeão Barcelos como primeiro colocado, com duas vitórias, 2 a 0 sobre o próprio Limite e 2 a 1 em cima do Riachuelo.

No grupo B, a primeira colocação ficou com o Operário, que, após estrear com derrota por 2 a 1 para o América, se recuperou na partida seguinte, vencendo por 2 a 0 o Sanjoanense, que ficou na segundo colocação com uma vitória por 3 a 1 sobre o América e a derrota para o Operário.

Comentários